Praia da Laginha: é necessário criar condições para a drenagem da água da chuva ou senão…

2/10/2014 07:45 - Modificado em 2/10/2014 07:45

laginhaOs frequentadores da praia da Laginha acreditam que a praia não ficou tão danificada como tem acontecido em anos anteriores . Mas a meteorologia anuncia  chuva em quantidade para o próximo fim de semana . Assim já se que é preciso  um sistema de drenagem da água para que tudo fique em melhores condições.

 

As opiniões entre os mindelenses divergem em relação ao estado da praia da Laginha. Muitos consideram que a praia se tornou melhor em termos de natação.

Embora alguns considerem que a praia da Laginha se tornou insegura depois da realização da obra, muitos acreditam que a obra veio trazer uma melhor imagem à ilha do Monte Cara. Para os banhistas e uma professora de natação, a água do mar ficou muito melhor e de mais fácil acesso para a aprendizagem para os que começam a aprender a  nadar.

  1. Ó TANTA RIOLA

    ENTAÕ O BARRULHO TODO FOI PARA QUE? O MONTEIRO DA UCID COLOCOU FOTOS NO FACEBOOK… UM SANVICENTINO, RESIDENTE NOS EUA, FALOU EM CATASTROFE, ATE AQUELES QUE NO INICIO DAS OBRAS DIZIAM QUE LAGINHA TINHA DESAPARECIDO VIERAM RACTIFICAR QUE ESTE AFINAL DESAPARECER AGORA….Ó TANTA RIOLA

  2. Celeste Vieira

    “Ó mar salgado, quanto do teu sal sao lagrimas de Cabo Verde”!
    Ó mar, ó mar! Traga-me a minha Laginha de volta!

  3. Milkiway

    Recuando um pc no tmp, aqd da tomada de posse do nosso próprio destino, mtos duvidaram das possibilidades de sobrevivencia dum CV independente, e viram-no como um barco afundando-se no Atlantico. Apesar de dar crédito aos nossos primeiros governantes pela coragem de decidir carregar no ombro essa empresa gigante, carente de recursos e com tantas incógnitas no horizonte, não era segredo para ninguém q CV sempre debateu com escassez de água para satisfação das necessidades mais elementares. Não teria sido óbvio colocar esse problema na lista de prioridades desde o início, mesmo sendo sua resolução traçada a nivel longo prazo, devido às fracas condições financeiras? Não se deveria ter concebido um projeto de criação duma infraestrutura de drenagem e aproveitamento da água das chuvas nas ilhas, e aos poucos galgar terreno ao longo dos anos até conclusão dum sistema satisfatório míninimo? Não se poderia ter obtido esse resultado em mto menos de 40 anos? Com base no argumento de q chove pouco, e o orçamento é insuficiente, terão havido certamnt ideias em contrário, desvalorizando esse projeto. Mas, se não existe frequencia na caída das chuvas, qd acontece ela derramar água em abundancia na terra, dever-se-á deixa-la caminhar pelos vales até perder-se pelos mares? Consta-se q existem cálculos q garantem pelo menos uma colheita agrícola anual proveniente do aproveitamento de águas depositadas em dispositivos estratégicos. Por outro lado, qt se gasta para reparar estragos causados pelas chuvas torrenciais q caem todos os anos no mesmo período? Qt se tem gasto em projetos de prioridade inferior, como por exemplo construção de estrada para acesso a sítio remoto utilizado apenas para lazer e paródias de fim de semana?

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.