Sal: Cidadãs impedidas de usarem praia do Porto Velho

1/10/2014 00:02 - Modificado em 30/09/2014 23:44

sal1Aconteceu no Sal: Cidadãs impedidas de desfrutarem da praia de mar em Santa Maria, mais concretamente na praia do Porto Velho. Esta situação deixa triste as duas visadas por sentirem que estão a perder a própria terra. Em entrevista à RCV, as duas mulheres mostram o seu desagrado.

 

“Acho que a praia de mar não foi comprada e não há dinheiro no mundo que compre a praia de mar. Estou a pedir explicações porque chamaram dois agentes da polícia para nos abordarem porque não podemos tomar banho nesta praia”, afirmou uma das visadas.

Viemos tomar banho e os guardas abordaram-nos com os cassetetes pedindo-nos para abandonarmos o local porque é uma praia privada. E estamo-nos a sentir tristes e ofendidas na nossa praia de Santa Maria que é privada”, realça a outra visada que se sente revoltada com a situação.

E querem explicações desta venda, se realmente, “o Governo vendeu” a praia. E se na verdade venderam, para estas cidadãs “são os italianos que entraram com força na nossa terra”.

Um outro cidadão tenta tranquilizar as pessoas invocando a lei afirmando que estando dentro da água do mar as pessoas não podem ser retiradas.

  1. JOÃO FORTES

    O PRESIDENTE DA AGENCIA MARÍTIMA ( ZEKINHA DI PRAIA) DISSE QUE VAI ALUGAR UM BOTE PARA FICAR A LEVAR AS PESSOAS A ESSA PRAIA. POIS DISSE QUE A POPULAÇÃO PODIA IR DE BARCO. ISSO É MESMO BRINCADEIRA SEU INCOMPETENTE , ASSESSORADO POR GENTE INCOMPETENTE.

  2. alcides borges

    -Caso Quintalona- não deve ser utilizado pelo publico por ser espaço privado antes mesmo de sermos uma nação, um país – coitado dos portugueses que se deram ao luxo de nos permitirem a independência – o dono do Quintalona, não permitiu que o mesmo acontecesse no seu reino- praia do Quintalona – que horror!
    Haja paciência…

  3. dinis da Graca

    Se a MODA pega, qualquer dia eh a LAGINHA!

    Ai SIM iria haver bronca!

  4. Maria José

    Uma tristeza sim. Se nao me engano, pela foto, é a Praia que fica junto ao ponte velho, onde descarrega-se algum peixo, etc. Isso é um atentado terrorista impedir os cidadaos de tomar banho. Temos que expulsar os terroristas. Terroristas como os italianos, o José Maria Neves e o Humberto Brito, a Cristina Duarte e o Joao Pereira Silva (Pereirona).
    Haja saco !!!!!!!!!!!

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.