Clientes deverão denunciar os táxis que praticam preços para além da tarifa

9/09/2014 00:07 - Modificado em 9/09/2014 00:03
| Comentários fechados em Clientes deverão denunciar os táxis que praticam preços para além da tarifa

taxi svA Associação de Táxis no Mindelo diz que as reclamações dos utentes são correntes, mas não recebem reclamações oficiais dos utentes e pedem para os clientes identificarem as viatura e denunciarem-nas à Associação de Táxis.

 

O secretário e o presidente da assembleia-geral da Associação dos Taxistas de São Vicente, em entrevista ao NN, mostraram-se disponíveis em receber todas as reclamações dos clientes.

Carlos Sousa, presidente da assembleia-geral afirma que na época de maior movimento surgem sempre reclamações de clientes e poderá ser que algum taxista se esteja a aproveitar da situação para aplicar preços exagerados e alerta aos clientes para denunciarem essas situações. O mesmo diz que a associação ainda não recebeu qualquer reclamação por parte dos clientes e que, em caso de não colaboração do taxista, os clientes têm diversas formas de identificar as viaturas.

“Se por acaso o cliente achar que o preço não é justo, deverá pedir a tabela de preços porque, todos os taxistas devem colocar dentro da viatura num local visível a referida tarifa e ainda registar a matrícula da viatura, pedir o contacto e dirigirem-se à associação para viabilizarem as suas reclamações”.

Quanto à apresentação da factura, Graça afirma que quanto aos recibos, os clientes não deverão efectuar o pagamento enquanto o taxista não fornecer o recibo. Não existe qualquer dificuldade em adquirir recibos. São fornecidos gratuitamente pela SHELL, BEAR PNEUS e podem ainda ser adquiridos na própria Associação de Táxis, por isso, para o secretário, não há necessidade dos taxistas negarem o recibo ao cliente que o exigir.

Em relação aos táxis que à noite se encontram ocupados, muitas vezes, com as companheiras dos próprio taxistas, os responsáveis consideram um comportamento incorrecto, porque os clientes precisam de privacidade, mas quando isso acontece, cabe ao cliente aceitar ou recusar o frete, e adianta que quando um cliente recusa fretar o táxi, o proprietário perde com a situação ficando penalizado.

A Associação de Táxis no Mindelo mostra-se disponível para receber reclamações dos clientes e encontra-se no primeiro andar direito do prédio do Mercado Municipal.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.