EUA confirmam libertação de jornalista sequestrado na Síria

27/08/2014 00:33 - Modificado em 27/08/2014 00:33
| Comentários fechados em EUA confirmam libertação de jornalista sequestrado na Síria

peter curtisO secretário de Estado dos Estados Unidos, John Kerry, confirmou hoje a libertação do jornalista Peter Theo Curtis, sequestrado há quase dois anos na Síria, garantindo que os esforços para libertar outros reféns vão prosseguir.

 

“Depois de uma semana marcada por uma tragédia indescritível [o assassínio do jornalista James Foley, atribuído ao grupo extremista Estado Islâmico], estamos aliviados e agradecidos por saber que Theo Curtis está a regressar a casa após tanto tempo nas garras de Jabhat al-Nusra”, congratula-se John Kerry, em comunicado. “Durante dois anos, este jovem americano foi separado da sua família.

Finalmente, regressará a casa”, rejubilou Kerry, destacando que a mãe de Curtis “recusou baixar os braços e trabalha incansavelmente para manter viva a esperança de que este dia pudesse ser uma realidade”.


cm.pt

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.