Paúl: individuo abusa sexualmente da ex- companheira e fica em prisão preventiva

25/08/2014 02:05 - Modificado em 25/08/2014 02:05
| Comentários fechados em Paúl: individuo abusa sexualmente da ex- companheira e fica em prisão preventiva

paulO Tribunal da Comarca da Ribeira Grande aplicou prisão preventiva ao indivíduo Élvis Vieira de 30 anos, indiciado de abuso sexual da ex-companheira na localidade de Pontinha de Janela, concelho do Paúl.

 

O Tribunal procedeu ao interrogatório do indivíduo, Élvis Vieira, 30 anos, indiciado de violar a ex-companheira com quem tem três filhos, na localidade de Pontinha de Janela, concelho do Paúl.

Com base no primeiro interrogatório o juiz entendeu que o individuo deveria aguardar o julgamento na prisão. O Juízo Crime decidiu pela prisão preventiva como medida de coacção porque os indícios recolhidos durante o interrogatório e com base no depoimento do suspeito apontam a prática de um crime de abuso sexual.

Deste modo, o magistrado entendeu que a atitude do arguido preenchia os pressupostos da privação da liberdade, por isso, foi aplicado o artigo 290º do Código do Processo Penal e os homens foram encaminhados para a Cadeia Regional da Ponta do Sol.

Quanto ao processo-crime, este foi enviado para o Ministério Público para se apurarem os factos que culminaram na agressão sexual. Terminada a fase de instrução, o MP deduzirá a acusação para que o acusado seja submetido a julgamento e, caso for condenado, incorrem numa pena de prisão entre 4 a 10 anos.

De acordo com o Comandante da Esquadra da Policia Nacional do Paúl, Fernando Santos a mulher disse que viviam no Sal, mas terminada o relacionamento ela veio para Santo Antão e o ex companheiro veio atrás dela para tentar reatar o relacionamento.

O NN sabe que a mulher esteve internada no Hospital João Morais na Cidade da Ribeira Grande,

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.