CMSV encontra solução para a apanha da areia

21/08/2014 08:32 - Modificado em 21/08/2014 08:32

anildo fortesNa sequência do acidente ocorrido no Lazareto que vitimou mais uma pessoa no trabalho da apanha da areia, a Câmara Municipal de São Vicente anunciou uma reunião com os trabalhadores dessa actividade. O objectivo da reunião era o de encontrar uma solução para a segurança dos trabalhadores.

 

Como faz saber o Vereador Anildo Fortes “houve um acordo entre os camionistas e as empresas, onde as empresas vão apoiar com máquinas e a Câmara Municipal vai dar o apoio em combustível”.

“A nossa preocupação é que chegássemos a um entendimento para que não haja mais acidentes nesse local”, afirma o Vereador. E acrescenta que o entendimento foi alcançado e as pessoas “trabalharão para que a extracção seja feita em segurança para o bem da integridade física de todos que aí laboram”.

“Vamos trabalhar com o Ministério do Ambiente para encontrar uma solução definitiva e garantir a segurança das pessoas”, afirma o Vereador e acrescenta que a segurança é o objectivo primário nesta questão.

  1. CidadaoCV

    Hummm … Na pratica este acordo não vai funcionar. “Empresas vão apoiar com máquinas e a Câmara Municipal vai dar o apoio em combustível”… é inviável este acordo. Que empresas estarão neste acordo? Como é que vai ser controlado o combustível?

  2. antonio dos santos

    Estou como o cidadãoCV, não entendi patavinha. A mensagem é tão troculenta que ninguém consegue ver aí uma solução para o problema. Para já por que o Ministério de Ambiente não é chamado de Urgencia para um problema que já vitimou tanta gente? E porque o M. de Ambiente quer tirar o seu corpo fóra desse problema? Eu se fosse a Camara interditava o sitio, como medida preventiva.

  3. confusão

    1º diz-se que o assunto é da responsabilidade do governo, depois que a camara encontrou uma solução. AH CONTRVERSA

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.