Trabalhadores descontentes com o atraso no pagamento dos salários

5/08/2014 07:30 - Modificado em 5/08/2014 07:30
| Comentários fechados em Trabalhadores descontentes com o atraso no pagamento dos salários

Sem-DinheiroOs trabalhadores do Ministério do Desenvolvimento Rural em Santo Antão estão a receber há algum tempo os salários em atraso, por isso, os mesmos estão descontentes e querem que se resolva a situação para conseguirem honrar com os próprios compromissos.

Maria Nércia Monteiro diz que a situação é constrangedora na medida em que “quando recebemos atrasado ficamos com muitos problemas”. Maria que tem contas a pagar no banco, diz que assim não consegue fazer as contas e que do jeito como as coisas estão, não fica com nada: “tenho de pagar água, luz e outras despesas e, assim, fica tudo atrasado” e quando é assim, os juros aumentam.

Aldevino Fonseca diz que há já algum tempo que se tem vindo a registar um atraso no pagamento dos salários e isso tem trazido constrangimentos: “é muito difícil para quem tem crianças como finalistas, porque as despesas são muitas”. O funcionário da MDR fala ainda que com o atraso no pagamento dos salários, também é difícil para quem está a tratar dos documentos para os filhos que querem prosseguir na universidade. Aldevino diz que os deputados António Monteiro e Zelito Fonseca estão a ajudar a resolver este problema, mas que cada dia que passa traz mais constrangimentos para quem tem as suas despesas no final do mês.

Pedro Carlos também fala dos grandes constrangimentos para ele que tem compromissos com o banco e também “para quem tem filhos na formação universitária”. Pedro Carlos sente que os responsáveis mostram uma falta de atenção e não apresentam uma justificativa para o atraso no pagamento dos salários.

O delegado do MDR na Ribeira Grande, Osvaldo Maurício tem conhecimento da situação e diz que fornece a lista de faltas e presenças atempadamente, para evitar atrasos no pagamento dos salários, mas é uma situação que “extravasa as nossas competências”.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.