Federer conquista Wimbledon pela 7.ª vez

9/07/2012 00:17 - Modificado em 9/07/2012 00:17
| Comentários fechados em Federer conquista Wimbledon pela 7.ª vez

Roger Federer escreveu, este domingo, mais uma página de ouro na história do ténis, ao conquistar o torneio de Wimbledon pela sétima vez, igualando o recorde de títulos de Pete Sampras e William Renshaw (este antes da era Open, que começou em 1968) na relva inglesa. O triunfo na final sobre Andy Murray, por 4-6, 7-5, 6-3 e 6-4, possibilitará ainda ao suíço ascender à liderança do ranking ATP, destronando Novak Djokovic, na actualização que será feita na 2.ª feira.

 

Murray entrou melhor na partida, vencendo o primeiro set e mostrando enorme agressividade, em contraponto com os muitos erros não-forçados de Federer. No entanto, o tenista helvético mostrou-se superior no parcial seguinte e, após quebrar o serviço do adversário (6-5), conseguiu servir para fechar o set.

A chuva resolveu então marcar presença e interrompeu a partida durante 40 minutos, quando o terceiro set estava ainda no início. Com o reatamento, Federer apareceu em grande nível e assumiu as rédeas do encontro.

O helvético foi crescendo na partida, com Murray a cair de rendimento nos parciais seguintes. No final, Federer não escondeu as lágrimas após conquistar mais um título do Grand Slam, o 17.º da carreira (é o jogador com mais troféus deste género).

 

Desilusão britânica

Para Murray, o primeiro britânico a disputar a final de Wimbledon em 74 anos, esfumou-se a oportunidade de dar uma alegria ao público da casa. Refira-se que a última vez que um britânico venceu a prova foi em 1936, por Fred Perry.

 

 

 

 

record.pt

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.