MP pede condenação do ex-gerente do BCA do Porto Novo

9/07/2012 00:05 - Modificado em 9/07/2012 00:08
| Comentários fechados em MP pede condenação do ex-gerente do BCA do Porto Novo

O ex-gerente do Banco Comercial do Atlântico (BCA), Alcindo Rocha, julgado pelo Tribunal Judicial desta Comarca por crimes de abuso de confiança, burla qualificada e falsificação de documentos, conhecerá a sentença a 24 de Julho.

 

Na última sessão do julgamento, que se realizou sexta-feira, 6, o ministério público e o advogado do BCA pediram a condenação do Alcindo Rocha, acusado de, durante os dez anos em que esteve à frente da agência dessa instituição bancária no Porto Novo, ter feito “irregularmente” diversas operações que resultaram num prejuízo de 139 mil contos para esse banco.

A acusação entendeu que, ao longo das quatro sessões do julgamento, que decorreram entre os dias 5 de Junho e 6 de Julho, ficou provado que Alcindo Rocha desviou esse valor através de levantamentos em “dinheiro vivo” e de transferências feitas para “o estrangeiro”, mediante ordem de pagamento e através da instituição bancária Western Union.

A gestão do ex-gerente do BCA, que disse ter sido “burlado” na Espanha, foi submetida em Setembro de 2011 a uma auditoria, que terminou na sua prisão, um mês depois (Outubro).

Até ao mês de Setembro de 2011, altura em que foi denunciado por um dos clientes do BCA, não se tinha detectado “irregularidades graves” na gestão do ex-gerente do BCA do Porto Novo.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.