Homem bateu na mulher com um fio de televisão para se defender

6/06/2014 08:02 - Modificado em 6/06/2014 08:02
| Comentários fechados em Homem bateu na mulher com um fio de televisão para se defender

VGB10O Tribunal da Comarca de São Vicente prossegue com a audiência de um caso de Violência Baseada no Género. Desta vez, um homem de 41 anos que bateu na mulher embriagada com socos e pontapés, mordeu-lhe no braço e chicoteou-a com um fio de televisão. A leitura da sentença ficou marcada para o dia 16 de Junho.

Jorge Oliveira, de 41 anos, aguarda o desfecho de um caso de agressão contra a companheira Gisela. Desta feita, o arguido responde à acusação de violência baseada no género consumada e continuada onde, segundo os factos provados em Tribunal, numa quarta-feira de Setembro de 2012, Jorge ”encontrou a companheira na rua e arrastou-a para casa, onde começaram a discutir. Durante a discussão, o arguido deu socos e pontapés em várias partes do corpo, mordeu-lhe no braço”, e ainda, segundo o arguido em jeito de defesa, açoitou-a com um fio de televisão para se defender porque a companheira o ameaçava com uma faca.

Tudo isso aconteceu porque a companheira estava embriagada e, no Tribunal, Jorge disse que não gosta que ela fique na rua nessas situações.

O Ministério Público considera que o arguido deve ficar com pena suspensa e tanto o arguido como a ofendida devem ser encaminhados para o psicólogo a fim de resolverem os problemas sem chegarem à fase de agressões, pois o Ministério Público entende ainda que o excesso de álcool dos envolvidos está na origem dos conflitos.

 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.