Homicídio em Monte Sossego: homem morre depois de ser agredido numa briga

5/06/2014 07:43 - Modificado em 5/06/2014 07:43

socoJoão Lima Braz, mais conhecido por Djondjon, de cinquenta anos de idade, residente na zona de Monte Sossego encontrou a morte esta quarta-feira na sequência de uma briga com um vizinho de nome Dubás.

 

Segundo Hélio, filho da vítima, o pai costumava consumir álcool e causar frequentes desentendimentos com as pessoas. Tudo aconteceu esta terça-feira quando Djondjon , de acordo com familiares estava alcoolizado e entrou em conflito com o vizinho chamado Dubás . Este deu-lhe um pontapé e murros nas costelas, partindo-lhe duas costelas.Terminada a briga Djonjon, foi para casa mas, durante a madrugada teve muitas dores e foi levado para o hospital, onde veio a falecer na tarde desta quarta-feira. O corpo está na casa mortuária do HBS e vai ser submetido a uma autopsia . Isto porque o exame externo não permitiu definir com exactidão o que provocou a morte de João Lima .

PJ dá como certo que se trata de um homicídio provocado por uma agressão , visto que a vitima apresentava duas costelas partidas , mas também hematomas na cabeça . O que a Polícia científica quer apurar é se houve intenção de matar nos golpes desferidos pelo agressor e que tipo de golpe provocou a morte.

 

  1. Nilza Duarte

    Lamentavel, monte sossego que outrora foi um bairro de tranquilidade e sossego como diz o proprio nome, hoje tornou-se numa zona instavel e insegura. A violencia aumenta todos os dias e como cidadã mindelesse e nacionalista , manifesto desta forma a minha indignidade e imensa pena pela vitima a quem tinha concideração embora levasse a vida duma forma pouco convencional. Que Deus tenha a sua alma em descanço Djondjon

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.