Mais uma boutique assaltada à luz do dia: assaltante ameaçou a funcionária com uma faca

29/05/2014 07:35 - Modificado em 29/05/2014 07:35

Boutique_cileida[1]É o terceiro ataque à boutiques no espaço de quinze dias.Nos últimos dois assaltos o assaltante ameaçou as funcionárias com uma faca.

 

A Boutique Cileida, situada na rua Inak, na rua entre a Praça Regala e a Câmara Municipal de São Vicente, foi assaltada esta quarta-feira, 28 de Maio, por volta do meio-dia. De acordo com uma fonte, um homem encapuzado e armado com uma faca, entrou na boutique e ameaçou a funcionária com uma faca no pescoço. O NN não conseguiu apurar o que o assaltante roubou. A vítima ainda não apresentou queixa na Esquadra da Polícia Nacional. O mesmo método usado no assalto a boutique Ferone Roma na terça-feira .

 

Mas os assaltos às boutiques começaram há duas semanas.O primeiro assalto foi na Boutique ANNY na rua da JAC CV por volta das 18:00 horas. O ladrão conseguiu levar dois telemóveis, um da funcionária e outro de uma cliente, cerca de 20 mil e e alguns artigos que ainda não se sabe ao certo o que foi. A funcionária Mircia Faial afirma que estava com uma cliente quando chegou o carro e parou, mas “não sei o sentido de onde vinha”. Segundo ela, o ladrão estava todo coberto, com calças da tropa e luvas, “de forma que não dava para identificar o corpo”.

Mircia adianta que o ladrão quis disfarçar e quando entrou na boutique, falou badiu “si quês minina age dá cu tiro sem medo”. Entretanto, o ladrão fechou a porta e disse que não era para gritar, porque era um assalto. De acordo com a funcionária, “nesse momento o ladrão descaiu e falou bocê”.

O assaltante fechou a funcionária e a cliente na casa de banho e colocou um tambor atrás da porta, de forma a não a abrirem e disse: “daqui a dez minutos saem”. Mircia afirma que ouviu o ladrão a mexer na caixa e que levou cerca de 20 mil escudos e alguns artigos que estavam na montra: “agora tenho de fazer o inventário para saber ao certo o que levaram”.

Mircia sabe que o automóvel utilizado no assalto foi um starlet grana com algumas faixas prateadas.

O NN sabe que a queixa foi apresentada na Esquadra de Monte Sossego e que a Polícia disse que “talvez a pessoa era conhecida e conhecia a minha rotina”. Mircia diz que a Polícia confirmou que o assaltante não era badiu mas estava a disfarçar. O caso já está na alçada da BIC (Brigada de Investigação Criminal), onde Mircia diz que ainda aguarda para ser chamada, pois ficou a saber por outras pessoas que a Polícia já deteve alguns indivíduos.

 

  1. RIBEIRINHA

    MERCEARIA ELSA EM RIBEIRINHA FOI ASALTADA NO DOMINGO PASSADO AS 12H COM O MESMO SISTEMA

  2. sv

    A bem pouco tempo a Policia estava a fazer bons trabalhos, a criminalidade ate baixou, tinhamos a BIC e BAC mais activo no tempo do Comandante Tuca, mas agora no Tempo do Orlando Evora que e um izibicionista um leviane so sabe promover a sua pessoa a criminalidade esta de novo a aumentar, o panico esta de novo nas ruas de mindelo

  3. Rui Santos

    Mas porquê o termo badiu? Racistas dos diabos, agora que já sabem que não é o badiu que rouba, também sampadjudos.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.