Utentes queixam-se da falta de dispensadores de bilhetes

14/05/2014 07:15 - Modificado em 14/05/2014 07:15

Foto_caixa_economica_na_cidade[1]O NN apurou que os utentes da Caixa Económica no centro da cidade do Mindelo se queixam da falta de uma máquina dispensadora de bilhetes nesse estabelecimento. Alguns entrevistados pelo NN dizem que é uma chatice porque perdem muito tempo na fila, para aguardar a vez.

 

O NN entrevistou alguns utentes à porta da Caixa Económica no centro da cidade do Mindelo que alegam que a falta dessa máquina, faz-lhes perder muito tempo. Ailine Delgado afirma que passou mais de uma hora à espera da sua vez, mas antes, “conseguia tirar o número e dar outros expedientes na cidade. Agora, fico condicionada. Se sair perco o meu lugar”. Para ela, têm de rever essa situação, pois há poucas pessoas na caixa.

Natasha Fortes também se encontrava na fila, chateada por estar há muito tempo à espera e afirma que esse problema tem de ser resolvido porque “nestas condições vão perder muitos clientes”. Ela também diz que com o número, conseguia fazer outras coisas e depois voltar. “Como o atendimento é lento, tenho tempo”.

Cláudia Nascimento disse ao NN que já estava à espera há mais de uma hora de pé, porque se se sentar corre o risco de perder o lugar: “muitos dizem que se nos sentarmos perdemos o nosso lugar”. Cláudia afirma que se tivesse um número, cada um esperava pela própria vez sentado ou na rua. Para ela, o número deixa muita falta, pois fica com mais tempo para ver outras coisas na cidade “e não fico aqui a perder muito tempo”.

Elton Martins entrou e ao deparar-se com a fila e ao informar-se que estava lenta, desistiu logo. “Vou perder muito tempo aqui e estou no meu horário de trabalho”. Elton diz que com a máquina, conseguia tirar o número, ir ao trabalho e regressar de novo mas, com a fila, isso é impossível.

Tentamos contactar o responsável desse estabelecimento financeiro, mas não foi possível.

 

  1. ao jornalista

    enquanto jornalista, ouviste o responsável da agência, para saber o que se passa?

  2. Ao jornalista

    É seu burro de gaita q manda reco doa jurnalista bo cá lê na nuticia. Tentamos contactar o responsável desse estabelecimento financeiro, mas não foi possível. Bo cá sabe lê seu camel

  3. mindelense

    na fila é melhor assim não ficam a passar os amigos para frente. para mim pode ficar a maquina avariado para sempre.

  4. o sr jornalista nao é dispensador de bilhetes , mas sim maquina das senhas …… jam ka tem força pa bzod

  5. lopes

    ò Mindelense por causa gente moda bo, que são vicente ta moda el ta, poxa bo te otxa que sera na santiago bo tava te ba po na fila de espera! não pq quel maquina era posto te funciona na hora, pessoal, enquanto no te bem fka li te espera cosa cai de céu(Santiago) tamos todos lixados…hora de presta Atenção nha gente.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.