Atendimento muito lento

29/04/2014 07:22 - Modificado em 29/04/2014 07:22

20140428_115458[1]À entrada da Caixa Económica de Fonte Cónego, encontrámos muitas pessoas descontentes com a demora no atendimento. O NN ouviu algumas pessoas que criticam e apresentam uma solução: colocar mais pessoas no atendimento.

 

Elsa Lima diz que o atendimento é muito demorado: “estou há mais de uma hora aqui e ainda faltam mais de dez pessoas”. Elsa adianta que quando vai ao banco perde um dia de trabalho por causa da demora, mas afirma que “se colocassem outros balcões a funcionar, o tempo de espera seria menor”. Para ela, que considera o atendimento positivo, a demora no atendimento afasta os clientes.

Quanto à doméstica Tudinha Brito, à espera pela sua vez há mais de uma hora, é irritante: “vim ao banco para me despachar cedo”. A Tudinha tem de preparar o almoço cedo para os filhos irem para a escola, mas “vim com um plano mas ficou completamente diferente. Estou atrasada para preparar o almoço e ainda estou longe de ser atendida”.

Hélder Carvalho afirma que já está há muito tempo à espera da sua vez: “venho a este banco porque fica mais perto do trabalho, mas espero muitas horas para ser atendido”. “Deveriam colocar mais pessoas nos balcões a funcionarem porque há muita gente para ser atendida e pouca gente no balcão”. Sublinha Hélder que diz que pede licença no trabalho por pouco tempo e acaba por perder uma manhã inteira.

Como Hélder, José Andrade e Sónia Dias afirmam que perdem quase um dia de trabalho: “vou por volta das 9 horas e só consigo ser atendido depois das 13h”. Os dois adiantam que apesar de haver uma pessoa na caixa, ela é muito lenta.

Os utentes ouvidos pelo NN reclamam pelo tempo de espera na fila para serem atendidos. Reclamam ainda pelas condições físicas dos espaços que, segundo eles, deveriam ter mais cadeiras para as pessoas se sentarem uma vez que passam muito tempo à espera da própria vez.

Tentámos ouvir a gerência da Caixa Económica sobre estas reclamações, mas ainda não conseguimos uma reacção.

  1. mim

    Então :
    A CECV não tem dinheiro,
    OU a CECV não consegue encontrar desempregados em São Vicente,
    OU a CECV não tem nada a ver com os seus clientes.

  2. DiPraia

    Todos os bancos funcionam assim. Querem poupar no máximo com o pessoal nas caixas e que se lixe os clientes. BCA também é assim. É impossível encontrar todas as caixas a funcionar! Dava para fazer uma reportagem jornalística ( com câmara escondida). Pessoalmente já reclamei uma tantas vezes no livro, mas não adianta. Estamos em CV, país que se quer e se diz de desenvolvimento médio.

  3. Camacho rancor

    …xuxadera…

  4. Hpesod

    penso que os funcionarios dos bancos deveriam ter mais respeito para com os clientes. E usual estarmos nun banco, apinhado de clientes, e vermos o funcionario do balcao, de forma descontraida e abusiva a falar, largos minutos, ao seu telemovel e marimbando para os clientes que estao a espera. Isso acontece, nao so nos bancos, mas tambem nos servicos publicos e em alguns privados nacionais. e imperetrivel a mudanca de postura, neste andar nunca teremos uma economia sustentavel e robusta.

  5. adilson filipe

    Curiosamente hoje estive nesta agência duas vezes e ao fim de meia hora desisti, nas duas vezes, porque havia cerca de dez pessoas a minha frente e nessa meia hora só foram atendidas duas pessoas, por isso terei de voltar noutro dia. E as vezes estão lá dentro vários clientes e um dos balconistas saí e fica só um para atender cerca de 20 clientes, como é possivel isto numa empresa bancária?

  6. Carqueja

    O problema não é SÓ da CECV em SV. Façamos uma ronda pela cidade e vamos ver: BCA Fonte Filipe, INPS, Secretaria da CMSV, Banco de Urgência do HBS, Central consultas do HBS, … mas o PIOR de todos é o BALCÃO DE ATENDIMENTO DA ELECTRA (embora existam outros recordistas).

  7. atrasadissimos

    PESSOAL DE CABO VERDE E ATRASADOS TECNOLOGICAMENTE, HOJE EM DIA TEMOS INTERNETE,,CARTOES 24, VISA ,I UM MONTANHA DE SOLUCOES,…. PQ PERDE TEMPO NA ORELA DE BANCOS…GR MAIORIA DE PESSAOA TA BA LEVANTA 2000,,,30000,,,,ETC ETC…TUD MENOS DE 20.000……CABOVERDEANOS TEM AVERSAO A TECNOLOGIA….IS T ADORA FCA JUNTO LA T CONTA HISTORIAS…..

    .

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.