Sessões de bisca e uril

2/04/2014 07:44 - Modificado em 2/04/2014 07:44

Religiosamente o dia começa e quase que termina no jogo de cartas com os amigos. “Praça de Parlamento” como foi baptizada pelos homens que frequentam a praça junto do Palácio de Justiça, é o palco onde dezenas de homens reformados costumam ocupar o próprio tempo livre, jogando às cartas.

 

Há vários anos que a Praça de Parlamento tem sido um espaço de passatempo para idosos reformados. É ali que passam a maior parte do tempo jogando às cartas, contando histórias e onde aproveitam para colocarem a conversa em dia. “Um ambiente de convivência e o ponto de encontro dos mais velhos” desabafa ao NN, Basílio dos Santos, queixando-se das dores de costas que sente depois de uma tarde de cartas.

Num tom descontraído, Basílio conta que “é um ambiente agradável, só falta uma casa de banho para completar. Os turistas tiram fotos, porque devem achar isto algo de interessante”.

Ti Junzim, como é chamado, tem 78 anos, ex-funcionário da EMPA, diz estar reformado há 4 anos e passa quase todo o dia na praça jogando bisca com os amigos. “Não tenho nada para fazer, venho aqui jogar às cartas e aproveitar para estar com os meus amigos”.

 

 

 

  1. Carlos Ramos

    Grande iniciativa do NN. Interessantes esses pequenos detalhes da historia local.
    E nao esquecer um documento para o futuro.
    Continuem.
    Parabéns NN.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.