Crimes contra património aumentaram

1/04/2014 08:12 - Modificado em 1/04/2014 08:12
| Comentários fechados em Crimes contra património aumentaram

ilha do SalOs dados do Comando da Polícia Nacional na ilha do Sal revelaram que índice de criminalidade aumentou na ilha no primeiro trimestre 2014, comparado com o mesmo período do ano transacto. A ministra da Administração Interna, Marisa Morais, que cumpre dois dias de visita a ilha do Sal ,avançou o panorama da criminalidade na ilha, revelando haver uma maior incidência a nível de crimes contra património.

 

A ministra explicou que a nível da criminalidade na ilha mais turística do país, registou-se uma baixa significativa no ano 2013. Mas que a Polícia Nacional recebeu muitas denúncias a dar conta de crimes em residências e estabelecimentos de comércio. Na ilha do Sal os números da PN indicam que o índice de criminalidade de Janeiro a Março ronda os 5%, com maior incidência na cidade de Santa Maria.

Para o Ministério da Administração Interna “este cenário não é fruto daquilo que foram as necessidades operacionais. Algumas formações tiveram lugar, o reforço novo que veio, até o agente ter conhecimento do terreno leva, naturalmente, algum tempo. Mas o Comando da PN na ilha afirmou estar atento, capaz de controlar a situação, voltar à linha de tendência dos dois últimos anos de redução da criminalidade na ilha”.

Esta é a segunda visita que Marisa Morais efectua à ilha do Sal, cujo objectivo passa por fazer um balanço daquilo que foi realizado até agora, detectar os constrangimentos ainda existentes e perspectivar o futuro. Recorde-se que dos 120 novos agentes incorporados na Polícia Nacional, a ilha do Sal foi das que mais recebeu esses efectivos, pois estava a necessitar de reforçar as suas unidades de trabalho.

 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.