Transcor nega retirada de autocarros das linhas para atender turistas

26/03/2014 07:06 - Modificado em 26/03/2014 07:06

transcor3Os utentes da transportadora Transcor têm vindo a queixar-se das longas esperas nas paragens dos autocarros, sobretudo, quando há turistas. Alegam que passam muito tempo à espera que chegue o autocarro porque a transportadora coloca os melhores autocarros ao serviço dos turistas.

Para o director de exploração da Transcor, as queixas dos utentes não têm fundamento.

“Cedemos as viaturas com maiores capacidades para o atendimento dos turistas, mas não é verdade que retiramos viaturas das linhas, até porque a Transcor tem de reserva 18 autocarros, precisamente para as eventualidades do tipo”.

 

Transcor perdeu um milhão de passageiros

 

A Transcor defende que a taxa de ocupação das cadeiras dos autocarros não chega a 30%, por isso, há que rentabilizar os serviços de outra forma com outros tipos de serviços para subsidiar os que estão nas linhas.

Segundo Victor Cançado, todas as linhas funcionam na normalidade. “Fazemos a questão de cobrir todas as linhas, simplesmente trocamos os carros maiores que dão mais suporte. Nenhuma linha foi alterada para mais de 11 minutos, não existem falhas nem demoras, a não ser se houver situações de trânsito que nos podem obrigar a atrasar, porque temos muitos constrangimentos dentro da cidade do Mindelo”.

Cançado afirma que a frequência é de oito minutos, pontualmente poderá acontecer algum atraso. Isto devido a avarias ou problemas de trânsito, congestionamentos nalgumas zonas como no mercado de Peixe, Rua de Lisboa, principalmente nas horas de ponta.

Houve a redução de um autocarro nas linhas 3 e 4 devido à queda da procura, uma fraca adesão de passageiros, pelo que a frequência passou de 7 para 9 minutos.

O director de exploração da Transcor acrescenta que “o aumento do Iva de 15% em Janeiro de 2013 levou a companhia a perder um número significativo de passageiros: cerca de um milhão de passageiros, equivalente a cerca de três mil contos mensais.

  1. Joel

    bla bla bla… porque é que essa gente (da transcor e não só) é tão descarada e mentirosa ??!! vê-se logo a diferença quando tem ou não navios de cruzeiros em São Vicente. ou será que a Transcor também tem condutores de reserva ??!! ó sr diretor demite-se!!!

  2. pantera

    Olho aberto director de transcor. A linha nº 7 do Madeiralzinho, já não é o que era.Um passageiro fica cerca de 25mn, quanto não é mais a espera do autocarro.Só para ter uma ideia, quando o autocarro passa na zona de Damata e se dirige para a direcção de Alto Brava, passa cerca de 10mn para retornar.As pessoas já nem se dão o trabalho de esperar, porque chegam 1º que o autocarro ao centro da cidade.Transcor esta num bom caminho, é só chegar a concorrência que candidata-se para uma empresa falida.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.