Utentes descontentes com o aumento das taxas

21/03/2014 07:51 - Modificado em 21/03/2014 07:52

hospital_batista_de_sousaOs utentes do Banco de urgência do Hospital Baptista de Sousa reclamam que o preço por uma consulta de emergência aumentou de 100$ diurno e 150$ nocturno, para 300$ diurno e 350$ nocturno. A maioria dos entrevistados pelo NN afirma que, quando o preço era mais barato, muitas vezes era complicado consultar, agora as coisas pioraram muito.

 

O NN sabe que desde o dia 17 de Março de 2014, o preço da consulta de emergência aumentou e, para muitos, agora é mais difícil fazer uma consulta. Que o diga, Janilda Nascimento, que diz que o preço das consultas tornou-se um exagero, “antes muitas pessoas não vinham à consulta porque não tinham os 100$, agora ficou mais complicado”.

 

Joana Ferreira acredita que o novo preço vai servir somente para deixar muitas pessoas sem consulta, pois sem dinheiro, não se pode consultar: “o preço é muito alto, deveriam então subir somente 50 ou 100$”. Joana diz que agora uma pessoa vai à consulta, mas o dinheiro para o remédio fica complicado. “Agora temos de pagar os 300$ e mais os 100$ para tomar remédios na farmácia. O problema é que muitas vezes não temos o dinheiro para a consulta”.

 

Segundo Gerson, o preço é exagerado, porque demoram muito tempo no atendimento, “pedem muito dinheiro pelo péssimo atendimento que há neste hospital” e acrescenta ainda que “os doutores atendem quando querem, perdemos muito tempo aqui à espera”.

 

Josina e Sheila adiantam que o preço é muito alto, mas se têm de pagar, pagam para serem consultadas e medicadas. Mas elas partilham da mesma opinião de Gerson que se espera muito para se ser atendidos e vão mais longe: “perdemos muito tempo à espera dos doutores, mas quando entramos, o doutor examina-nos muito rapidamente e passa a receita médica”.

Tentamos contactar o responsável do Banco de Urgência, mas ano foi possível.

 

  1. José Luís

    Oh pessoal!
    Banco de urgências é para as urgências como o próprio nome diz.
    Para as consultas uma opção mais viável são os centros de saúde.

  2. MINDELO

    Viva paicv mais saúde para todos.
    Bem fete.

  3. Maria José

    Vergonha esse Governo. Afinal sao taxas para pagar o Conselho de Administracao formado por camaradas.

  4. Antonio Delgado

    Estamos a navegar num Paìs com um Governo “DELINQUENTE” que pensa so em tirar proveito daquelas pessoas mais indefesos, por exemplo aqueles que nao consegue comer um pao de manhà … por falta de um dia de trabalho.

  5. Antonio Delgado

    Chega ao Hospital ja morto e o “GOVERNO DELINQUENTE” do paiCV de José Maria Neves prepara o “FUNERAL”.

  6. Antonia Lopes

    Questao nao e banco d urgencia e so pe urgencia, mas sim taxa durgencia muito elevod, um t concorda ma sr. zuzu ke kes doctor publico ke podia trabalha na privode pq???? Ex e ke te faze ses cosa moda ex cre pa bo pode ba pe privode. Entom um te pergunta pq ele tem nome de urgencia se kes doutor te tchega hora kes cre….cambadas de incompetente e ke pensa mo basta ex te trubai pe estado jas te faze o kes kre. ma estado e nos tud viu…

  7. Jorge Barbosa

    Não proibiram os magistrados de darem aulas nas universidades, para não ficarem sobrecarregados?Deveriam proibir os médicos que trabalham no hospital de terem consultórios privados.Mesmo porque quando nos atendem no posto de urgência despachem-nos rapidamente, mas no consultório privado fazem com que voltemos,várias vezes, pois cada vez pagamos uma quantia.

  8. Samora

    O problema ‘e que todos reclamam, mas ninguém faz nada. O jornal,já publicou a noticia as pessoas já reclamaram. E agora? Fica em água de bacalhau. No dia que em S.Vicente conseguirmos mobilizar-nos para reclamar dos nossos direitos, assim como conseguimos unir-nos para realizar o carnaval, ou para ver um jogo do,Benfica, só,assim conseguiremos mudar as coisas.enquanto,for,só blá blá.Aposto o meu salário deste mês que este valor não,vai ser alterado.

  9. Mizy

    Transformação…se for pela positiva! Não estamos a falar nem de consultas e nem de urgências, mas sim do exagerado preço das taxas. Porque já sabemos que a questão da saúde em Cabo Verde é assim: quem tem dinheiro cuida da sua saúde e os restantes vão-se desenrascando…Preços elevados requerem serviços com mais qualidade e isso sabemos que não acontece no nosso hospital (em todos os serviços prestados). E a questão do tempo de espera? “Consultem” as pessoas sem sequer olharem para seus rostos.

  10. Duarte

    Há muita gente que só escreve asneiras,penso que banco de urgências como o nome já diz é para urgências e não para consultas como é mencionado no texto de inicio ao fim e, na minha opinião o aumento foi pouco.

  11. SBH

    Onde está a Tabela de Cuidados de Saúde?
    I SÉRIE — NO 11 2 º SUP. «B. O.» DA REPÚBLICA DE CABO VERDE — 20 DE MARÇO DE 2007
    Inscrição no Banco de Urgência: Ponderação K = 250,00
    Diurno (08H – 20H) 100,00
    Noturno (20H – 08H) 150,00

  12. SBH

    Consultem a Tabela de Cuidados de Saúde. I serie — nº 11 2 º sup.- 20 de Março de 2007 .
    Inscrição no Banco de Urgência: = 250,00 – (Diurno (08H – 20H)=100,00 Noturno (20H – 08H) =150,00)

  13. JM - Caro Duarte

    A bem dito quem escreveu “asneira” foi você. Desde logo pk o conteúdo da notífica não se prende com casos “não urgentes” ou que possam não ser casos de urgência, mas sim da TAXA, que é completamente desproporcional. E essa taxa, caso se avance, passará a ser paga quer por os utentes dos casos realmente urgentes, como não urgentes, que constitui um impedimento de acesso ao serviço nacionald e saúde, que é suposto ser gratuito como reza a Constituição.

  14. medico

    bom seria que os medicos trabalhassem somente no publico ou no privado mas primeiro teriam que aumentar o salario de miseria que recebem depois de estudar tantos anos-

  15. indignado

    poxa manera k bzot ta fala na preco asssim se caboverdiano ca tem dnher nunca e so perce um festa ja tem dnher log , agora pa paga um quantia pl ser atendido na urgencia ca tem dnher nem raca,bzot xpia tb ,agora tem pessoal k ca tem mesmo mas ten ots es tem e abuso na corpo

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.