Virou a casa uma prisão: Depois de casa roubada…grades nas janelas e nas portas

28/02/2014 07:40 - Modificado em 28/02/2014 07:40

casa-trancadaUm morador na zona de Espia teve de colocar grades de ferro para garantir a segurança da própria residência. Segundo Jaime Livramento, ao segundo assalto não encontrou outra solução a não ser transformar o seu lar numa prisão. Por outro lado, diz que já não dorme sossegado, porque qualquer barulho é sinal de alarme.

 

Jaime, de 45 anos, reside sozinho e trabalha como guarda-nocturno, situação que faz com que passe várias horas fora da sua habitação. Mas a vida do cidadão mudou na semana passada, quando viu a sua casa a ser assaltada pela segunda vez. Segundo Livramento, os gatunos levaram parte do recheio da sua residência, por isso, com medo de um novo ataque, optou por gradear todos os acessos ao interior. Mas diz desconfiar que os assaltantes sejam pessoas daquela redondeza que conheciam a sua rotina.

 

Questionado sobre os produtos furtados da sua residência neste segundo ataque, Jaime afirma que “levaram uma televisão, alguns electrodomésticos, uma aparelhagem de som, roupas, géneros alimentícios e objectos de uso pessoal. Coloquei grades de ferro nas janelas e na porta de entrada”. E quando tenho folga do trabalho, caso ouça qualquer ruído levanto-me para passar uma revista à residência”.

 

Este morador diz que a paz que rodeava o bairro foi levada pela criminalidade, com casos de assaltos em residências e “caçubodys” contra os moradores ou pessoas que circulam nessa zona. A vítima diz que não pode abdicar do trabalho para guardar a sua casa, porque nessa circunstância, passaria por dificuldades. Por isso, para garantir a segurança, recorreu a grades de ferro. O entrevistado apresentou queixa às autoridades para que o assalto seja investigado.

  1. Luis Geronimo

    Lamento muito. Ao Sr jaime que é um cidadão honesto e trabalhador, sinto muito. A luta pela criminalidade é direito de todos. vamos denunciar actos ilícitos… e contamos com a colaboração dos vizinhos

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.