Reabertura do Centro Juvenil Nhô Djunga: responder as necessidades das crianças em situação de risco

8/02/2014 05:01 - Modificado em 8/02/2014 05:01

nho djungaA ministra responsável pela pasta da Juventude, Emprego e Desenvolvimento de Recursos Humanos, Janira Hopffer Almada, inaugurou as obras de reabilitação do Centro Juvenil Nhô Djunga na cidade do Mindelo

 

Esta obra de reabilitação vai responder e dar solução às necessidades das crianças, adolescentes e jovens de São Vicente em situação de risco e vulnerabilidade, fornecendo-lhes um espaço onde possam estar e desenvolver as próprias aptidões a nível da formação profissional. Mas o desafio é o quotidiano: continuar a trabalhar à procura de parcerias, porque a melhoria da satisfação do serviço público deve ter “uma ambição permanente e constante”, explicou Janira Hopffer Almada.

Segundo Jandir Oliveira, delegado do ICCA em São Vicente, “o centro acolhe 20 crianças em regime de semi-internato e 9 internos, mas entre as actividades desenvolvidas, os jogos de críquete, basquete, taekowdo recebem diariamente cerca de 120 crianças. O delegado acredita que o Centro Juvenil Nhô Djunga tem potencial para dar respostas as solicitações que recebe.

O centro tem três oficinas de serralharia, carpintaria e electricidade, cozinha industrial que futuramente irá ser utilizada para cursos de culinária, salas de reuniões, campo de futebol. A ideia é trazer a comunidade para a instituição e fazer com que haja uma forte interacção.

As obras foram suportadas pelo Governo no valor de 19 mil contos, sem contar com os mobiliários . O centro conta com a parceria da Escola de basquete, Robrigo Mascarenhas.

  1. fernando fortes

    Eduino por favor,investiga onde é que foi gasto 19.000 contos.
    A qualidade das obras que apresentam não dá para isso.
    Já agora investiga essas tais actividades que juntam 120 crianças no lar Nhô Djunga.
    Isso só na cabeça de quem disse.
    O lar Nhô Djunga foi um projecto financiado na 1ª república por um dos países nórdicos ,para crianças de rua.
    Pois as crianças continuam na rua em S.Vicente.Mesmo aquela meia dúzia que frequenta o lar Nhô Djunga passa o tempo na rua a mendigar.Campanha de Janira!

  2. fernando fortes

    O filho do José Maria Neves tem razão.Essa Janira está utilizando os dinheiros do estado,para fazer a sua campanha para a liderança do PAICV e para apoiar os seus comparsas.
    Procurem os “Boys” que ela tem a sua volta a trabalhar.
    Ele deveria ser demitida com aquela pouca vergonha de colocar o marido na Administração do INPS.
    O 1º Ministro foi conivente ao não demiti-la.
    Ela mostrou todo o seu carácter.
    Assim sendo,não vai dar.É preciso dar por terminado o ciclo de poder do PAICV.Basta!

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.