Homem condenado por roubar peças de veículos

7/02/2014 00:01 - Modificado em 6/02/2014 22:57
| Comentários fechados em Homem condenado por roubar peças de veículos

prisao5O Tribunal da Comarca de São Vicente procedeu à leitura da sentença de um processo-crime que acusava um cidadão do crime de furto em viaturas. O arguido foi condenado com pena de prisão de sete meses. Mas o NN soube que o homem vai sofrer uma nova condenação quando regressar ao banco dos réus, porque durante uma investigação criminal, confessou a prática de outros crimes contra viaturas.

 

O Juízo Crime submeteu a julgamento o cidadão Marcolino Dias, conhecido por “Cula” por alegado envolvimento em assaltos a viaturas na ilha de São Vicente. Perante esta situação, o arguido sentou-se no banco dos réus para responder a um processo-crime de furto.

O homem foi detido pelas autoridades criminais por suspeitas de roubar peças de carros estacionados na via pública. O arguido, munido de chaves de fenda e de outros materiais, furtava peças no interior dos carros e ainda faróis, baterias, calhas. Durante as averiguações, o suspeito confessou a prática do crime a que estava a ser indiciado e possibilitou às autoridades de recuperarem alguns objectos.

O juiz procedeu à leitura da sentença com base nas provas recolhidas em tribunal. Desta forma, o indivíduo vai passar sete meses na Cadeia de São Vicente. Mas o certo é que “Cula” vai permanecer na prisão depois de cumprir a pena. É que enquanto aguardava o desfecho do caso em liberdade manteve a sua prática.

Num trabalho de investigação criminal levado a cabo pelo Corpo de Intervenção e pela Brigada de Investigação Criminal, as duas unidades policiais apuraram que o homem tinha furtado peças de outras viaturas. O indivíduo confessou os delitos e agora vai responder ao processo de instrução que vai implicar que o Ministério Público deduza uma nova acusação.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.