Ariha, ariha! Mandingada

27/01/2014 00:37 - Modificado em 27/01/2014 00:37

mandingas4Ao domingo tem desfile de mandiga . È tradição que antecede o Carnaval. Os mais novos já baptizaram o desfile de “ mandingada”. E todos os bairros de Mindelo chegam jovens para se juntarem ao desfile dos mandigas . Antes lugar reservado só para os destemidos que se aventuravam “ num desfile de malcriação e de indentação” . Com o fim da guerra de gangues no Mindelo os mandigas da Ribeira Bote , berço dos mandigas , recebem jovens de toda a periferia que juntam num desfile “ sabe , sabe moda intentaçon” pela cidade do Mindelo . A presença paciente dos agentes da BAC ajuda no clima de segurança. Se antes acompanhavam os Mandingas para evitar batalhas entre gangues hoje são o suporte que leva centenas de jovens a sentirem-se seguros e cair na “ intentaçon de carnaval de Soncent”.

 

A festa do Rei Momo começa com o desfile dos Mandingas todos os domingos, nas ruas da cidade do Mindelo e, para Luísa Rodrigues que tem duas filhas pequenas, já é tradição acompanhar os Mandingas pelas ruas da cidade. “Moramos na zona de Fonte Inês, todos os anos saímos com os Mandingas e este ano, desde que começaram os desfiles, levo os meus filhos para verem os Mandingas. Eu e os meus filhos gostamos desse desfile, porque desfilamos à vontade, pois no dia do Carnaval, não conseguimos desfilar, só vemos os grupos oficiais, mas com os Mandingas podemos desfilar no meio deles”.

Cristina Sofia é da mesma opinião que Luísa, pois com os Mandingas desfila à vontade e acrescenta, “agora sentimo-nos mais seguros porque vemos os carros da polícia acompanhando os Mandingas”. Segundo ela “sempre aparece alguém que quer estragar a festa e nós só queremos brincar o Carnaval”.

De acordo com Elisângela Almeida, este ano as pessoas que acompanham os Mandigas estão civilizadas. “Todos os anos saio com eles, porque gosto da folia dos Mandingas, porque não tenho dinheiro para sair em grupos oficiais, assim, desfilo à vontade, gosto de acompanhá-los”. Para Élio Fonseca, a cada ano os desfiles de Mandingas estão melhores e bem organizados.

As crianças já esperam os Mandingas todos os domingos, algumas com medo e outras nem por isso, mas Eduardo Silva, de apenas cinco anos, diz que “gosto dos Mandingas, porque são diferentes, gosto de sambar com eles, mas são muito feios e às vezes sinto medo deles”.

Já não há Carnaval sem os Mandingas, uma tradição do Carnaval mindelense. O desfile dos Mandingas antecede o dia oficial do Carnaval e passam por várias zonas da cidade, sempre com uma multidão a acompanhá-los que não consegue imaginar o Carnaval sem Mandingas, visto que sambam à vontade com eles.

 

  1. Stiriblim

    Palhaçada, falta que fazer, cultura???? naaaaaa, brio no
    corpo, simmmmm.

  2. Djê Guebara

    Bonito não deixar a nossa tradição cultural que não
    desaparece das ruas do mindelo,tradição essa que foi criado pelo o
    nosso imortal (Capote) e mais tarde seguindo os mesmos passo foi
    (Djunga de Fonte Felipe).Essas èpocas eram bonitas e o colorido nas
    ruas do mindelo sempre ficarão em as historias dos nossos
    antepasados tal como (Dò-di-Dò) Recordamos da euforia que dizia
    assim: Dò-di Dò di parafuso e polegada. Carnaval ta hai,vamos
    vadiar,vamos vadiar pa la policia no pegar.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.