Vila Nova em Monte Sossego à espera de vida nova

11/06/2012 01:17 - Modificado em 11/06/2012 01:17

Vila Nova, Monte Sossego. Uma zona, ainda em construção com um misto entre casas de betão e casas de tambor. De um lado casas terminadas e outras em fase final de construção e nas ladeiras uma paisagem dominada por casas de tambor. Mas, quem vive aqui não reclama da vida já que para os moradores a zona é calma e convidativa.

 

Mas, apesar de gostarem de morar no local não escondem que é possível melhorar as condições de vida . E a primeira reivindicação vai para a Iluminação publica, visto que não existe um poste de iluminação e as pessoas tem que conviver com o escuro e com a insegurança dai resultante .Falta de água canalizada é outro problema. Sem ligação a rede de esgotos as pessoas beneficiam da venda de água de uma vizinha. Para Gracinda Santos fica difícil já que quando a vizinha não tem água a solução é andar muito até encontrar água para comprar. Por isso uma sentina é vista como uma das prioridades para essa comunidade.

O sentimento é que as autoridades não tem dado a atenção às pessoas que moram nessa encosta. Naiss, morador na zona, é categórico ao afirmar que ninguém fez nada por esta área. Com a aproximação das eleições e com a campanha,os moradores esperam ver os candidatos para mostrarem o estado em que a zona se encontra.

Gracinda que mora há 20 anos na zona mostra-se descrente que alguma coisa será feita. A sua opinião é que são apenas “ promessas não cumpridas .Os políticos não ajudam quem precisa”, afirma Gracinda mostrando-se insatisfeita pelos muitos pedidos de ajuda feitos, mas sem resposta.

Patrícia mora na zona há mais de oito anos e já acumula alguma experiência de campanhas eleitorais na zona. “Sempre se lembram de nós no tempo da campanha”, diz reforçando a ideia que o que trazem são as promessas , apenas.

  1. mario jorge dias

    É verdade na campanha temos tudo lá e depois desaparecem,só nos vemos esses donativos numa outra época eleitoral.Eu sou da opiniao da Patricia.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.