Momo em digressão nacional, “na descoberta das raízes”

29/11/2013 23:37 - Modificado em 29/11/2013 23:37
| Comentários fechados em Momo em digressão nacional, “na descoberta das raízes”

teatro3A procura das raízes cabo-verdianas por parte de FláviaGusmão, actriz, a trouxe a ilha de São Vicente. Como conta desde o primeiro dia foi influenciada pela ilha e queria fazer algo artístico tendo como pano de fundo as viagens e essa busca. Numa viagem pelo Brasil há cerca de oito meses encontrou com actor brasileiro Michel Bua que a propôs a fazer algo em conjunto. O actor já tinha ido a Portugal a procura das suas raízes.

 

Este é o pano de fundo para a criação da peça “Momo”, que vai estar em tournée nacional a partir do dia 29 de Novembro ate o dia 15 de Dezembro. Este trabalho já foi apresentado em Portugal, Brasil e no Mindelact. Mas desta vez vai ter os dois actores originais o que não aconteceu na apresentação em Setembro.

A peça como explica Gusmão tem muito de biográfico dos dois actores, da sua busca pelas suas próprias raízes. Avança que a peça fala de um casal que “está mais ou menos obcecado sobre o que fica depois da morte”. E os dois ficam com a responsabilidade de contar a história do outro quando um dos dois morrer.

“Momo” como tenta explicar Gusmão é que a peça foi construída no contexto de carnaval. E os músicos que vão acompanhar a peça estarão dentro do espirito de carnaval. Mas o outro pormenor porque se chama de “Momo”, é segredo e só será revelado durante a peça.

O espectáculo inicia no dia 29 numa sessão exclusiva para os presos da Cadeia Central da Ribeirinha, e depois:

• Dia 4 Dezembro, Auditório Nacional na Cidade da Praia

• Dia 8 Dezembro, Casa da Bandeira,São Filipe, Fogo

• Dia 10 Dezembro, Auditório, Pedro Pires, Mosteiros, Fogo

• Dia 13 Dezembro Centro Cultural Santa Maria, Sal

• Dia 15 Dezembro, Centro Cultural do Mindelo

 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.