Defesa de Emanuel Spencer considera notícias sobre as causas do assassinato ficção

25/11/2013 00:17 - Modificado em 24/11/2013 22:45

EngEmanuelSpencerA advogada Ana Spencer, que representa a defesa do falecido Emanuel Spencer disse ao NN que “ as noticias publicadas sobre as causas da morte do Emanuel são pura ficção de alguns jornais e apenas eles tem conhecimento disso “. Esclarece que “ até ao momento a PJ não nos disse que já tinha apurado o móbil do crime.

 

Pelo contrário tem nos informado que o processo está em segredo de justiça e que prosseguem com as investigações. Mas em momento algum informou a família que as causas da morte estavam relacionadas com “ jogos sexuais “ com escreveu o jornal a Nação ou como ajustes de conta com o narcotráfico como escreveu o jornal a semana”.

Ana Spencer garante que tudo vão fazer para defender a honra e bom nome q também são devidas a um morto. E não descartam a possibilidade de agir judicialmente e que só ainda não o fizeram pois “ queremos que a PJ prossiga as investigações sem pressões e interferências”. Questionada se a família conhecia e os dois indivíduos que estão em prisão preventiva suspeitos de terem assassinato Emanuel Spencer diz que “ Não.

Essas duas pessoas não eram das relações da família e cremos que não eram das relações de Emanuel “. O NN quis saber se a defesa não estava de acordo que para o juiz ter determinado a medida de coacção mais grave é porque a PJ apresentou indícios ou provas reveladoras que eles podia ser os autores do crime, respondeu “ como lhe disse a PJ nunca nos forneceu elementos sobre o processo alegando o segredo de justiça. Por isso não conhecemos as provas, nem os indícios que levaram o juiz a decretar a prisão preventiva

 

  1. Nita Fortes

    Antes do mais, tenhamos em conta que não hà segurança nenhuma na nossa terra e que cada um de nôs pode ser ceifado por simples antapatia.
    Não faz muito alguém descia às abissais um conceituado compatriota. Perguntado porque dele maldizia, a resposta saiu logo “pa quem ele mania”. So isso !!!

  2. Neves

    A Familia não aceitou narcotrafico, agora não aceita também os misterioso “jogos sexuais”,, o que é que vão querer aceitar?
    Pronto já sei,, é o Caçu-body! O próximo jornal vai noticiar que o caso se tratou de uma caçu-body, e os dois assaltantes serão julgados.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.