Facebook poderá permitir entrada a menores de 13 anos

11/06/2012 00:28 - Modificado em 11/06/2012 00:28
| Comentários fechados em Facebook poderá permitir entrada a menores de 13 anos

O Facebook poderá em breve permitir que crianças com menos de 13 anos possam inscrever-se oficialmente naquela rede social desde que sob supervisão parental.

 

Até ao momento, apesar de muitos menores contornarem as regras, o Facebook impede pessoas com menos de 13 anos de acederem à rede.

Porém, de acordo com uma notícia veiculada pelo “The Wall Street Journal”, o gigante tecnológico poderá estar a desenvolver uma tecnologia que permitirá que contas de menores de 13 anos fiquem associadas às contas dos pais.

Ainda de acordo com o mesmo jornal, os pais teriam acesso a tudo aquilo que os filhos colocassem online, podendo igualmente controlar os pedidos de amizade que os menores fossem recebendo.

Actualmente o Facebook tem mais de 900 milhões de utilizadores em todo o mundo, mas a abertura oficial a menores de 13 anos poderia fazer aumentar significativamente estes números.

Apesar de, quando contactada pela BBC, uma porta-voz do Facebook se ter escusado a confirmar esta notícia do “The Wall Street Journal”, a mesma responsável frisou que a empresa está constantemente a testar novas tecnologias e que a segurança das crianças é uma grande preocupação da rede social.

“Estamos constantemente a dialogar com os accionistas, reguladores e outros legisladores acerca da forma de os pais melhor poderem manter os seus filhos em segurança num ambiente online sempre em mudança”, indicou o Facebook em comunicado.

Entre as principais razões pelas quais o Facebook proíbe crianças com menos de 13 anos de acederem à rede social contam-se o ciber-bullying e a pornografia infantil. Acontece, porém, que – de acordo com vários estudos e inquéritos – muitos menores de 13 anos mentem sobre a idade na hora de se registarem no Facebook e por isso ficam expostos a esse tipo de ameaças uma vez online. Pior: a maioria das vezes os pais está a par dessa actividade.

De acordo com um estudo recente levado a cabo por três universidades americanas – incluindo Harvard – e pela Microsoft Research, 72% dos pais que indicaram num inquérito saber que os seus filhos estavam registados na rede social admitiram igualmente saber que eles se registaram ainda antes de completarem 13 anos.

Em Maio de 2011, um artigo publicado na “Consumer Reports” indicava que 20 milhões de menores usam activamente o Facebook, 7,5 milhões dos quais têm menos de 13 anos e mais de cinco milhões têm menos de 10 anos.

A própria rede social tem noção que muitos menores de 13 anos conseguem facilmente contornar as regras e mantém, por isso, instruções online para os pais, de forma a possam lidar com essa situação o melhor possível.

 

 

Pub.pt

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.