Pintor crava testículos na Praça Vermelha

14/11/2013 11:59 - Modificado em 14/11/2013 11:59
| Comentários fechados em Pintor crava testículos na Praça Vermelha

pintor testiculosPiotr Pavlenski foi hospitalizado depois de prender o orgão sexual no chão, com a ajuda de um martelo.

 

O pintor russo Piotr Pavlenski foi hospitalizado, este domingo, depois de ter cravado os testículos com a ajuda de um martelo na Praça Vermelha em Moscovo, Rússia.

Numa ação de protesto contra o Kremlin, Pavlenski ficou completamente nu e com as partes íntimas presas entre as pedras, durante uma hora e meia. O artista descreveu a ação como uma metáfora da apatia, da indiferença política e do fatalismo da atual sociedade russa.

 

Segundo o pintor, o Kremlin está a “converter as pessoas em estátuas que esperam resignadas o seu destino”.

 

Noventa minutos depois do início do protesto, Pavlenski foi levado para um hospital, onde recebeu tratamento.

As autoridades classificaram a ação como “algo normal para um doente mental”.

 

Não é a primeira vez que o artista se magoa a si mesmo para protestar contra o governo do presidente russo, Vladimir Putin.

 

Em Maio, Pavlenski enrolou-se completamente nu em arame farpado em frente ao Parlamento da cidade de São Petesburgo. Já em junho, o artista decidiu coser a boca, numa ação de apoio ao grupo de punk feminino Pussy Riot.

 

 

cm.pt

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.