Entre num submarino sem sair de casa

6/11/2013 11:01 - Modificado em 6/11/2013 11:01
| Comentários fechados em Entre num submarino sem sair de casa

submarino virtualGoogle Street View leva-o a visitar uma embarcação-museu a partir do seu computador. Saiba como.

 

É agora possível visitar o interior do submarino HMS Ocelot sem ter de se deslocar até ao Chatham Historic Dockyard, em Inglaterra, local onde está ancorado. Através do seu serviço ‘Street View’, a Google permite ver o interior da embarcação, desde a cabine do capitão até aos tubos de torpedo.

O HMS Ocelot é um dos 13 submarinos da classe ‘Oberon’ (diesel-elétricos) construídos pela Marinha Real Britânica, na década de 60. Foi lançado em 1962, no Chatham Dockyard, em Inglaterra, e esteve em actividade até 1992. Nesse ano voltou ao estaleiro de origem, entretanto transformado em museu.

No entanto, a contrução deste tipo de embarcações – com a existência de escotilhas e corredores estreitos – pode impossibilitar algumas pessoas de visitar o seu interior. Por exemplo, no site oficial do Chatham Historic Dockyard pode ler-se que pessoas em cadeiras de rodas não podem subir a bordo.

Agora, com recurso ao Google Street View, qualquer pessoa pode ver o interior deste submarino. É possível ver a totalidade da embarcação, desde as áreas destinadas ao descanso da tripulação até às áreas operacionais, como a sala do sonar ou os tubos para lançamento de torpedos.

O HMS Ocelot torna-se assim no primeiro submarino visível no Google Street View. Para além do interior do submarino, pode ainda observar a área onde foi lançado pela primeira vez, em 1962.

 

 

cm.pt

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.