Carlos Assunção assume gestão da associação de futebol

6/11/2013 03:04 - Modificado em 6/11/2013 03:04
| Comentários fechados em Carlos Assunção assume gestão da associação de futebol

gestao futebolA implementação do futebol feminino e a realização de uma “supertaça” a nível da ilha de Santo Antão são as duas novidades que o novo presidente da AFRNSA, Carlos Assunção, quer implementar durante o presente mandato.

 

Carlos Assunção, que substituiu Pedro da Luz, em declarações à Inforpress afirmou que quer sensibilizar os nove clubes filiados na Associação de Futebol da Região Norte de Santo Antão (AFRNSA) para criarem as suas equipas de futebol feminino como forma de conseguir o objectivo de arrancar com um campeonato desse escalão ainda no decurso do seu mandato que iniciou no sábado, 3 de Novembro.

 

Por outro lado, Carlos Assunção já manteve contactos com o seu homólogo da Associação de Futebol da Zona Sul da ilha, com vista à criação de uma “supertaça” de Santo Antão, disputada pelos campeões regionais e pelos vencedores das Taças Regionais norte e sul.

 

Essa parece ser uma aposta ganha já que, segundo Fernando Lima, o presidente da zona Sul concorda com a ideia e, para já, falta “socializar” a iniciativa e definir se a prova será disputada em moldes de “play-off” ou se será no regime de todos-contra-todos.

 

Carlos Assunção, que na anterior equipa dirigente exercia as funções de tesoureiro, entende que a sua eleição configurou uma “mudança na continuidade” porque o seu objectivo é “dar continuidade ao trabalho desenvolvido até ao momento” pela equipa à qual pertenceu e que, para esta eleição, não sofreu grandes mudanças.

 

“Houve poucas saídas, muitas pessoas mantiveram-se nos lugares que ocupavam anteriormente, outras foram mudadas para outros cargos e houve entradas pontuais”, explicou Carlos Assunção, apontando que não há a necessidade de introduzir mudanças no funcionamento da Associação.

 

É que já existem competições (torneio de abertura, campeonato e taça regional) a nível da primeira divisão e da segunda divisão, bem como campeonatos a nível dos escalões de formação (sub-14 e sub-17 anos). O presidente da AFRNSA pede a presença do público no estádio como forma de financiar as actividades da Associação Regional além de dar brilho às competições.

 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.