Turistas ingleses assaltados em Chã D´Faneco

29/10/2013 00:00 - Modificado em 28/10/2013 23:35

assalto facaUm casal de cidadãos ingleses foi assaltado no domingo por quatro indivíduos em Tchetchénia, zona de Chã D’Faneco, na ilha de São Vicente. Os gatunos roubaram-lhes dois telemóveis, uma máquina fotográfica, um binóculo e 5500 escudos. Os assaltantes levaram ainda uma bolsa que continha documentos, cartões de crédito, objectos de uso pessoal, mapas e mantimentos.

 

Na tarde de sábado, por volta das 18 horas, um grupo de indivíduos assaltou um casal de turistas que passeava pelas encostas ao redor das localidades de Ribeirinha e de Chã D´Faneco. Segundo o que apurámos, um homem de 57 anos e a sua esposa de 54 anos, ambos de nacionalidade inglesa, foram atacados quando passeavam pelo bairro de Tchetchénia.

 

O casal não sofreu lesões, mas viram um dos quatro assaltantes apontar-lhes uma faca para consumar o assalto. Os gatunos retiraram-lhes uma bolsa que continha documentos, cartões de crédito, objectos de uso pessoal, mapas e mantimentos. Por outro lado, ainda roubaram uma carteira com 5500 escudos, dois telemóveis, uma máquina fotográfica e um binóculo.

 

Este online soube que os assaltantes se puseram em fuga em direcção a uma encosta situada em Chã D´ Faneco. Mas que o caso foi entregue às autoridades criminais que estão a realizar diligências para identificar os gatunos, no sentido de recuperar os pertences das vítimas .

  1. Fiat Lux

    Força PN e PJ. Vamos agir rápido pois a imagem da ilha fica menos beliscada se, pelo menos os criminosos forem capturados e grande parte dos pertences forem devolvidos ao casal. Entretanto, todos temos consciência de que há zonas mais negras na nossa ilha e esse casal devia ser informado que Tchetchénia é uma delas e que deviam tomar algumas precauções, como por exemplo solicitar um guia/segurança.

  2. MINDELENSE

    Mas que raio de lugar é esse, que escolheram para ir passear? Pra ver o quê lá? Você que é nacional e de S. Vicente passando por esses bairros, alguns jovens já te encaram de uma forma como se você um dia lhes fêz alguma coisa, imaginem um casal de turistas dando sopa??? Nos aeroportos e cais do país há que informar os turistas dos perigos de certas zonas a percorrer e em determinadas horas.

  3. Carlos Jorge Wahnon

    turista na Tchétchenia é goze!

  4. Mindelense de gema

    Oh ” Mindelense ” segundo diz a informaçao , trata se de um casal inglês ,que nao sabia qual era a zona mais perigosa na nossa ilha , que nao deviam frequentar ???Devemos é simplesmente lamentar uma situaçao que so desvaloriza a nossa sociedade , em particular a Ilha de Sao Vicente , que gosava da fama ( ilha de morabeza )!..

  5. Badiu

    Sampadjudus, kely é kulpa dos badios? Nhos trata dentu nhos casa ki nhos sta papia asneira.

  6. Lucindo Barbosa

    Continuo a pensar que não estamos preparados para receber turistas. A nossa população está cada dia mais mal educada, mal formada e com tendência para o mal.
    Os chamados ” flores da revolução” vão acabar por dar cabo desta terra. Maldita hora entraram neste país dirigentes mal formados que perseguiram a afastaram religiosos e pessoas de bem. As aulas de religião e moral sempre serviam para refrear os maus instintos que agora o primeiro ministro descobriu na nossa gente.

  7. Maurino C B Delgado

    Publiquei um boletim em Maio de 2012, entre outras questões levantadas, eu dizia que o turismo é fundamental para o desenvolvimento de S. Vicente e que era preciso preparar esta Cidade para receber turistas. Esse incidente, não só prejudica a imagem do país como também prejudica essa atividade económica com reflexos na taxa do desemprego. A insegurança não é uma questão só da polícia. O que nós, a Sociedade Civil, podemos fazer para ajudar a resolver o problema? No nosso próprio interesse devemos discutir esta questão. Quem deve promover esse debate? É urgente.

  8. Mindelense de gema

    Infelizmente esse tipo de situaçao està-se alastrando por toda parte do mundo . Jà nenhum pais pode gabar de se sentir seguro , sem violência !.. O mundo està travessando uma crise sem precedente , o que resulta essas agreçoes , sobretudo às pessoas mais ou menos fràgeis !..A nos os cabo-verdianos de ajudarmos mutualmente , porque sabemos que a policia nao pode estar , em cada bairro em cada esquina!..

  9. SAMPADJUD

    Ma kem pdi opiniao de Bediu ness conversa….bsot preocupa k bsot aldeia k bsot tem la pe sotavente te fca bsot amdjor….se fosse ne praia ix ke tava so assaltax…ix tava matax tambem

  10. Mindelense

    Oh Mindelense da Gema, se lestes bem no final do meu comentario, mesmo contestando por eles terem ido a essa zona passear, acrescentei que deveria ter um servico no local de desembarque que lhes informassem em lugares e hora a serem frequentados sem colocarem a sua integridade fisica e moral em perigo. Aceito a sua critica e sugestao.

  11. Carlos Silva - Ralao

    Concordo com os Srs. Lucindo Barbosa e Maurino Delgado, para alem de nao estarmos preparados para receber turistas nao ha um trabalho feito nas escolas primarias e secundarias de como e’ super importante a visita dos nossos turistas em Cabo Verde. Ha alguns anos atras foi lancado um grande projeto nas escolas do ensino basico em Salvador – Bahia – Brasil, mostrando as criancas, o quao importante e’ a presenca dos turistas na sua cidade.

  12. Fiat Lux

    Ao cidadão que assinou como Badiu. Na minha opinião a questão realmente que interessa é que os criminosos afastam os turistas da nossa terra. Por cada um que vai contente, vêm mais dois, mas por cada um que vai triste por, 10 procurarão outros locais. Devemos deixar de pensar em termos de badiu e sampadjudo. Todos somos cabo-verdianos e habitantes deste planeta azul e a 1ª regra para vivermos em harmonia é respeitarmo-nos. Há bons e maus elementos em todos os locais, uns + que outros.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.