Corpo de marinheiro morto a bordo do “Príncipe das Marés” transladado para Marrocos

24/10/2013 00:01 - Modificado em 24/10/2013 00:04
| Comentários fechados em Corpo de marinheiro morto a bordo do “Príncipe das Marés” transladado para Marrocos

navioO corpo do cidadão marroquino Nouredinne Naciri vai ser transladado neste fim-de-semana para Marrocos. Naciri foi assassinado a bordo do navio de pesca “Príncipe das Marés” pelo ex-cozinheiro da embarcação, Bonifácio Rocha, que por agora cumpre prisão preventiva. O corpo de Naciri parte no sábado, 26, do Aeroporto Cesária Évora num voo da TACV rumo a Portugal e, de seguida, será transladado para Marrocos onde se irá realizar o funeral.

 

O NN apurou que a agência funerária Freitas e Fortes concluiu as diligências para efectuar a transladação do corpo do cidadão marroquino de 45 anos, assassinado a cerca de 500 milhas da zona sul da ilha do Fogo, quando o navio pesqueiro “Príncipe das Marés”, onde trabalhava há 15 anos, se encontrava em mais um dia de faina.

 

Segundo informações recolhidas na agência funerária, o processo de embalsamação e os procedimentos para efectuar a transladação foram cumpridos, pelo que o corpo do cidadão seguirá viagem para a sua terra natal.

 

As expectativas da família da vítima eram as de levar o corpo para a cidade de Marin, na Galiza, em Espanha, para que os familiares e as pessoas da comunidade onde Naciri vivia, pudessem realizar uma homenagem. E que depois, o corpo seria transladado para Marrocos para a realização do funeral.

 

Mas este online soube que a família optou por levar o corpo directamente para Marrocos, uma vez que os problemas de saúde da mãe de Naciri se agravaram depois do seu assassinato. E, neste sentido, não há condições para que a comunidade marroquina residente na cidade de Marin, local onde residia a vítima e a restante população dessa cidade pudessem prestar-lhe uma homenagem.

 

Recorde-se que o corpo de Naciri foi autopsiado na passada sexta-feira e que os sinais visíveis no corpo demonstram que a vítima foi assassinada com uma facada no lado direito do peito, que lhe terá provocado uma lesão grave nos pulmões e daí, não ter resistido a esse ferimento.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.