Mindelense analisa continuidade do técnico: Almara na corda bamba

7/06/2012 01:38 - Modificado em 7/06/2012 01:38

A continuidade de Almara no comando técnico do Mindelense está na corda bamba. A época 2011/12 não foi a melhor para os Leões da Rua da Praia que deixaram fugir a Taça de São Vicente e entregaram o título regional, de bandeja ao Batuque. Mas a última gota da água foi a recente eliminação na fase de grupos do Campeonato Nacional. O caldo entornou e agora a permanência do treinador está nas mãos dos dirigentes.

 

O CS Mindelense deixou fugir a oportunidade de lutar pela revalidação do título nacional. Os Leões da Rua da Praia tiveram que esperar 13 anos para levantar o troféu. O treinador Almerindo Jesus, Almara foi o responsável pela conquista do título em 2011. Porém nesta época, 2011/12 a revalidação do título fazia parte dos objectivos do clube, que não ultrapassou a fase de grupos.

A derrota com a Académica do Porto Novo ditou o afastamento do Mindelense da competição e assentou a crise de resultado instalado no seio do clube. Depois de entrar com o pé direito no Campeonato Nacional 2012, os Leões da Rua da Praia não conseguiram vencer os três últimos jogos na prova.

A situação entornou o caldo e colocou uma interrogação na continuidade de Almara à frente da equipa técnica. Porque depois de conquistar o campeonato regional e nacional em 2011, o técnico na época seguinte ergueu apenas um troféu. O Mindelense conquistou a Supertaça de São Vicente e de lá para cá deixou fugir o Torneio Abertura, a Taça de São Vicente e ofereceu o título regional ao Batuque.

Mas a paciência dos adeptos do clube esgotou-se com a derrota diante da Académica do Porto Novo. O apoio a equipa técnica e jogadores foi colocado de lado devido a crise de resultados que culminou na exclusão das meias-finais. No final do encontro os adeptos entoaram críticas aos jogadores e pediram a demissão de Almara e dos restantes colegas da equipa técnica. E vários adeptos mindelenses camparam Almara, que se chama Almerindo de Jesus, a Jorge Jesus o treinador perdedor do Benfica de Lisboa.

O NN conversou com o presidente do Mindelense, Adilson Nascimento sobre a continuidade de Almara no comando técnico do clube. Nascimento afirmou que o treinador continua vinculado aos Leões da Rua da Praia. O presidente do clube garante que na próxima semana, os dirigentes irão ter uma reunião para fazer o balanço da época 2011/12. Entre os assuntos em análise estará a continuidade de Almara no clube e de alguns jogadores que não mostraram serviço.

 

 

 

 

 

  1. Sinceramente. ainda continua vinculado? Peça a sua demissão Almara

  2. Maldito81

    Tenham mais é calma convosco pois se n fosse o Almara, continuavam por mais 13 anos sem ganhar nada.

  3. Carlos Silva - Ralão

    Quem estave na Fontinha parece que estava vendo outro jogo, ou não? O meu amigo Almara pode ter pecado quando tirou o Flávio, que estava sendo o melhor jogador na frente de ataque, agora dizer que ele foi responsável pela derrota, é dose!!! Como é possível culpar um treinador, quando nos primeiros 10 mn do primeiro tempo o Mindelense desperdiçou 3 ou 4 situações de gol flagrantes??? Pior ainda é a mente colonizada, até quando estamos falando dum time nacional, tendem a comparar com um de fora!

  4. Lela Santos

    O Almara é um grande profissional e é mindelense… com calma tudo é possivel, trocando treinador nao significa k o Mindelense voltará a ganhar todos os jogos… o futebol caboverdeano evolui de dia para dia… perder hoje no futebol nao é o fim do mundo. Força Almerindo/Mindelense.

  5. Adepto

    bzot txa almara ked pk kond mindelense tava la t ganha bzot tud tava la sab ta festeja ma como agora ej perde bzot k t asseita derrota bzot t fca li t julgal….UM BOM DESPORTISTA / ADEPTO TEM K SABE GANHA E PERDE…..Almara é bastant responsavel e el tem Mindelense na coração…….

  6. Arlindo lopes

    O Mindelense não preçisa de um treinador que treme nos jogos deçisivos pois a nossa equipa preçisa de um treinador que ganha sempre e que possa fazer a equipa soar a camisola do clube e a direcção tem de ter mão firme com os jogadores,porque eles são bem pagos e são funçionarios do clube e tem que respeitar a instituição que e o mindelense não e um clube qualquer.A vitoria da Academica de Porto Novo foi uma vergonha naçional para não dizer uma humilhação para Mindelo.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.