Mais dois acusados de “caçobody” na cadeia

22/10/2013 00:50 - Modificado em 22/10/2013 00:50

prisão9O Juízo Crime de São Vicente mantém a tolerância zero para com os “caçubodistas”.

Mais dois foram colocados em prisão preventiva. Para o magistrado, constituem um perigo para a sociedade. Por isso, a cadeia afigura-se como o lugar mais indicado para eles.

 

O Juízo Crime procedeu ao interrogatório de dois jovens de 19 anos detidos pela Brigada de Investigação Criminal e com passagem pela Polícia Judiciária e pelo Corpo de Intervenção por prática de assaltos contra pessoas e propriedades em várias áreas da ilha de São Vicente. Desta feita, a detenção dos indivíduos por parte da BIC surge na sequência de uma investigação policial onde se conseguiram provas de que os jovens estavam a actuar nas zonas de Bela Vista, Pedreira, Fonte Francês e Monte Sossego.

O indivíduos conhecidos por “Ti Lis” e “Pão” que residiam no bairro de Fonte Francês, foram detidos por ordem do Tribunal por estarem referenciados junto das autoridades policiais e na PJ como “caçubodistas” e pelo facto de terem vários processos em fase de instrução na Procuradoria de São Vicente por prática de “caçubody”.

De acordo com informações colhidas pelo NN, os jovens confessaram a autoria de vários assaltos e a Polícia conseguiu recuperar vários produtos. O Juiz considerou os suspeitos um perigo para a sociedade.

 

  1. Nigga

    Assim sim, assim um te gosta de ale noticia, tolerancia zero. Go pessoas te começa te tem mas confiança na justiça

  2. Mada

    ok boa ao menos ja tem os nomes, ainda falta foto

  3. Antonio Delgado mora

    Esse Juìz crime merece um premio… se os caçubistas continuarem na Cadeia.

  4. C. Lopes

    Senhor Juiz pode vangloriarr a Bastionária da ordem dos advogados determinou que os advogados residentes na Praia, Eurico Monteiro e Mário Silva, fossem a S. Vicente para cuidarem desses casos porque os caçobistas não podem ser detidos afinal são as mais valias do MDP. Sem eles os deputados da respectiva bancada não têm discurso “não existe justiça em Cabo Verde”

  5. Fonte Francês sempre

    NN bsot tem más cuidod ne da informação meriod, mod um tava la e um oia foi pj te panhá tiliz e es teve na zona te espia pão ate d noite. Mas dum certa forma, um pode dze k ja era temp des da zona e soncente um desconse.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.