130 mil cabo-verdianos vivem com menos de 149 escudos por dia

3/10/2013 00:48 - Modificado em 3/10/2013 08:51
| Comentários fechados em 130 mil cabo-verdianos vivem com menos de 149 escudos por dia

olavo correia 4Olavo Correia, vice-presidente do MpD, discorda dos dados avançados pelo Governo sobre a economia nacional. Para este líder político, o partido também analisa e actualiza as informações e tem os dados disponíveis das contas definitivas do PIB. Acrescenta que ainda possuem os indicadores estatísticos do INE e do Banco de Cabo Verde e, também, os indicadores da economia e que todos os dados estatísticos da evolução da economia de qualquer país são feitos nesses pressupostos.

 

Para Olavo Correia o nível de desemprego e subemprego não é o apresentado pelo Governo. “O índice de desemprego e subemprego caminha para mais de 90 mil cabo-verdianos, cerca de 43% da população”, afirma o vice-presidente do MpD. Aponta como principal motivo para esse número a recessão económica e também “as mais de 130 mil almas cabo-verdianas que vivem com menos de 149 escudos por dia sem a mínima dignidade”.

 

Segundo Correia, os dados estatísticos avançados pelo INE e pelo Banco de Cabo Verde apontam para 2013 um recessão à volta dos quatro por cento, e para 2013/14, as taxas de crescimento devem igualmente atingir valores negativos na ordem dos dois por cento. “É de registar uma contracção da procura interna justificada sobretudo pela redução da formação do capital fixo, o crédito. A economia está praticamente estagnada registando um crescimento acumulado negativo, o IDE (Investimento Directo Estrangeiro) continua com tendência para decréscimo e o investimento público regista uma forte contracção”. Esta é a leitura da conjuntura actual feita por Correia.

 

Para Correia, estes dados serão confirmados nos relatórios apresentados pelo INE e pelo Banco de Cabo Verde quando os apresentarem.

 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.