“Adão e Eva” à moda cabo-verdiana.

9/09/2013 00:12 - Modificado em 9/09/2013 00:12

headA companhia praiense “Sikinada“ faz a sua estreia absoluta nesta 19 º edição do Mindelact 2013 com a peça “Adão e Eva”. Esta peça é uma experiência nova do que é fazer espectáculo, uma mistura de várias linguagens, a corporal e a visual, afirmou João Paulo Brito encenador deste trabalho teatral. O resultado de um trabalho de pesquisa que tem como autor o Ministro da Cultura Mário Lúcio Sousa.

 

De acordo com Brito, embora o título desta peça nos remeta para a área religiosa, ela tem outro significado.

 

“Ao espectador que vai ver é importante realçar que o nosso objectivo é o de fazer uma outra abordagem deste tema clássico“.

 

João Paulo conta que o grupo foi criado há alguns anos na cidade capital e é constituído por quatro elementos.

 

No palco principal desta noite, dois actores, João Brito e Raquel Monteiro, comandarão esta nova peça teatral.

 

O encenador João Paulo diz ainda que este trabalho é o resultado da pesquisa de muitos profissionais de diversas áreas do conhecimento como fotógrafos e artistas plásticos entre outros. “Um projecto que temos vindo a preparar há muito tempo, com uma carga vídeo-cenográfica muito forte. Um espectáculo, segundo diz o encenador “muito bem concebido em que garantimos muita qualidade”. Nota: será apresentada no domingo.

 

  1. Cubano - Roterdam

    Ess é betá dinhero na tcheqeiro!!! Asnera pa permiti o Maário Lucio méter um bocade de dinhér na bolse!! MÁFIA DA PRAIA!! GASTÁ DINHÉRO MA PURCARIA!!

  2. Cândida Leite

    Cubano de Roterdão. – M’ ta dscordà de bo opinião. – Tudo quanto é cultural ê bom pa nôs tude porquê é engrandecimente de nôs terra. Problema é desavença e desiquilibre. Qonde gente ca ta dividi pa nôs tude e schelim ta bà pa um julbera sô

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.