Dia da criança: Fundação Infância promove concurso de vozes e dança

1/06/2012 04:04 - Modificado em 1/06/2012 04:05
| Comentários fechados em Dia da criança: Fundação Infância promove concurso de vozes e dança

A Fundação Infância Feliz realiza em Mindelo um concurso de vozes e dança para comemorar o seu 10º aniversário. O evento tem como objectivo potencializar a aptidão das crianças, como forma de singrarem no mundo da música e da dança. Adélcia Pires, presidente da FIF afirmou que o concurso tem servido para descobrir novos talentos no país e elenca os nomes de Rita Lobo, Luís de Matos, Ceuzany, entre outros artistas. Mas que desta feita, o vencedor do concurso de vozes irá representar Cabo Verde, no concurso da diáspora a ser realizado na França.

 

A ilha de São Vicente acolhe o 10º concurso de vozes e dança organizado pela Fundação Infância Feliz. A actividade visa comemorar o dia da criança e o décimo aniversário da criação dessa fundação, que desde 2002 trabalha em prol das crianças e dos jovens em Cabo Verde.

A valorização das capacidades culturais das crianças fez com que a Fundação Infância Feliz concebe-se em 2002 um concurso de vozes e dança. Durante estes dez anos o evento tem percorrido as ilhas do arquipélago para dar visibilidade as crianças que almejam seguir uma carreira na música ou na dança.

Segundo a presidente da FIF, Adélcia Pires “o concurso surgiu para incentivar as crianças, no sentido de terem um espírito cultural. Sempre vale a pena dar visibilidades para elas apresentarem as suas qualidades na música e na dança. Porque o seu futuro inicia-se  nessa oportunidade que  lhes é  dada . Hoje temos exemplos de pequenos cantores que se tornaram em grandes músicos, como o caso do Kim Alves, Rita Lobo, a Ceuzany, Luís de Matos, entre outros artistas”.

A promotora do evento afirmou que a  Fundação já sente na pele os efeitos da crise. Porém para contornar a recessão desenvolveram  esforços para obter recursos financeiros, no sentido de realizarem o concurso que assinala o décimo aniversário da Fundação Infância Feliz. Segundo Adélcia Pires “ esperamos ter uma adesão da população de São Vicente a actividade. Porque trata-se de uma acção para promover as capacidades culturais das crianças, mas também um dia de reflexão sobre os direitos desses pequenos, que amanhã serão o futuro de Cabo Verde”.

Por outro lado a presidente da FIF reitera que haverá prémios para todos os participantes, mas que o vencedor do concurso de vozes irá representar Cabo Verde, num certame na França. O concurso intitulado vozes da diáspora acontece a 21 de Julho em Paris e reúne crianças dos países onde residem cabo-verdianos.

Quanto a realização do encontro entre as fundações infantis da CPLP que deveria acontecer nesta sexta-feira, em Mindelo ficou adiada para o mês de Novembro. De acordo com Adélcia Pires devido a alguns contratempos, a FIF cancelou o encontro que visava abordar assuntos do fórum infantil.

 

 

Com o Patrocínio do Hotel Dom Paco , São Vicente 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.