Corpo de Intervenção caça caçubodistas

5/04/2012 15:44 - Modificado em 5/04/2012 15:44
| Comentários fechados em Corpo de Intervenção caça caçubodistas

O Comando da Polícia Nacional intensificou o combate a criminalidade nos arredores da zona de Ribeira de Vinha. O NN apurou que os moradores de Ribeira de Vinha e pessoas que circulam nos arredores da zona viraram alvo predilecto dos caçubodistas. Pois, os larápios escondem-se atrás das árvores ou das sucatas e depois atacam as pessoas.

Nos últimos meses os caçubodistas regressaram com ataques na zona de Ribeira de Vinha, pois a falta de iluminação na estrada trouxe-lhes um ambiente propício para assaltar as pessoas. Segundo algumas vítimas depois do ataque os gatunos fogem entre as árvores. Mas apuramos que alguns larápios também assaltam os estaleiros de criadores de animais para roubar porcos e cabras.

Para garantir a segurança das pessoas que circulavam naquela via a PN incrementou um plano de patrulha nas horas de maior incidência de caçubodis. Segundo o que apuramos o Corpo de Intervenção tem patrulhado essa zona para conter a onda de assaltos na Ribeira de Vinha. No âmbito dessas patrulhas foram detidos alguns suspeitos, bem como o CI conseguiu recuperar alguns objectos roubados.

Os moradores de Ribeira de Vinha louvam a atitude da PN ao colocar agentes nessa localidade. Porque alguns caçubodistas fizeram do local uma área propícia para sustentar o seu vício e aterrorizar as pessoas. Por outro lado as árvores e as sucatas transforam-se em esconderijos para os gatunos que depois de agredir as vítimas escapam ilesos dos assaltos. Mas para os moradores se agentes policiais mantiverem a sua actuação em Ribeira de Vinha com certeza os caçubodistas irão abandonar aquela localidade.


Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.