Afrobasket: Terminou o sonho africano para Cabo Verde

29/08/2013 07:31 - Modificado em 29/08/2013 07:31
| Comentários fechados em Afrobasket: Terminou o sonho africano para Cabo Verde

afrobasketTerminou o sonho dos “tubarões martelo” no Afrobasket 2013 depois de terem sido derrotados pelo Egipto pela margem mínima (71-72). O fim do jogo foi dramático para Cabo Verde que teve ao seu dispor um último lançamento, nas mãos do capitão Marito, mas sem sucesso.

 

Com esta derrota, cai por terra o objectivo mínimo de um terceiro lugar que dava o apuramento para o mundial de 2014 a ser realizado em Espanha.

 

Grande parte do jogo foi liderado pelo combinado nacional que, no último período, não conseguiu segurar a vantagem. Cabo Verde entrou muito bem no jogo criando um parcial de 10-0. Mas a equipa deixou os egípcios aproximarem-se. Conseguiu liderar o placar até ao fim da primeira parte por 40-36. Bryan Rudolph foi o marcador de serviço da selecção terminando a primeira parte do encontro com 13 pontos.

 

A segunda parte iniciou com o empate da equipa do Egipto a 40 pontos. A equipa soube reagir a este empate. Depois de perder a vantagem, Cabo Verde voltou a liderar o encontro, entrando no quarto e decisivo período à frente por seis pontos. Mas o fim do jogo foi dramático para os “tubarões martelo”. A vencer por um nos últimos minutos, dois turnovers devidos à falta de atenção deram a possibilidade aos egípcios de passarem à frente. Com a conversão de um lançamento triplo, os egípcios ficaram em vantagem. Na última jogada do encontro Marito falhou a conversão do ponto que colocaria a selecção à frente no marcador.

 

No primeiro jogo dos quartos de finais, Angola venceu Marrocos por 95-73.

 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.