Homem vai a julgamento sumário por posse de pistola 6.35

22/08/2013 13:20 - Modificado em 22/08/2013 13:20
| Comentários fechados em Homem vai a julgamento sumário por posse de pistola 6.35

prisao5Um homem que participou no tumulto à frente da Esquadra da Polícia de Santa Maria, ilha do Sal, foi detido na posse de uma pistola. Erivaldo Pina foi identificado como a pessoa que efectuou o disparo para o ar durante uma confusão que envolveu agentes da PN e um grupo que contestava a detenção de um jovem.

 

Este online apurou que ao ser abordado por agentes da PN numa das ruas de Santa Maria, o jovem de 24 anos tinha na sua posse uma arma de calibre 6.35 com algumas munições. O NN sabe que Erivaldo confessou à Polícia Nacional que foi o autor do disparo que levou os agentes da PN a ripostar com disparos de uma AKM para o ar, como forma de dispensar os cidadãos que participavam no protesto.

 

Erivaldo Pina foi detido por posse ilegal de arma de fogo, cuja medida de coacção aplicada pelo Tribunal da Comarca do Sal é Termo de Identidade e Residência. Por se tratar de um crime de posse de armas, a lei determina a aplicação de TIR e posterior realização de um julgamento sumário.

 

De realçar que na sequência do tumulto, a PN tinha detido um jovem por distúrbios na via pública e algumas pessoas não aprovaram a actuação da Polícia. Por isso, foram à Esquadra da PN e arremessaram pedras, garrafas e fizeram um disparo. A Polícia Nacional ripostou com disparos para o ar para dispersar os cidadãos e deteve seis pessoas.

 

Com a detenção de Erivaldo Pina, eleva-se para sete o número de cidadãos que vão ao banco dos réus esclarecer este caso que fez subir a tensão entre moradores e agentes da PN em Santa Maria.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.