Um livro para transformar Cabo Verde

23/07/2013 00:44 - Modificado em 23/07/2013 00:44

joão do rosario 2“Cabo Verde, perspectiva e realidade” é o novo livro de João do Rosário. Um livro que o autor classifica como “um contributo que um cidadão” pretende dar para o país. Com este livro, João do Rosário espera “trazer uma nova esperança para Cabo Verde em termos de emprego e em termos de consolidação de um país de rendimento médio”.

A proposta do livro é que “neste momento o Governo estatal e liberal já deu provas de falência”, sendo então necessária uma nova forma de governação e é esta nova forma de governação que é a motivação da escrita deste livro. “Neste livro propomos um país industrializado e não um país refém da importação”, diz João do Rosário, esperando romper com esse paradigma. Na sua óptica, “nenhum país continua viável sem fazer a sua própria produção”.

A industrialização é defendida neste livro assim como as parcerias público-privadas, a autonomia regional, a “utilização dos trunfos do país” como os emigrantes na diáspora. Para João do Rosário, qualquer reforma de produção interna tem de ser acompanhada por reformas do Estado, pelo que lança algumas sugestões para esta reforma geral.

A expectativa da aceitação por parte do autor é grande. “É necessária uma nova forma para criar emprego para todas as pessoas que estão sendo formadas e a expectativa de adesão ideológica a este livro é grande”, afirma João do Rosário. O autor do livro aponta caminhos para a solução de problemas como o desemprego.

O projecto iniciou em Outubro do ano passado e está editado em duas línguas, português e francês. O autor classifica ainda o livro como “científico” e espera que possa servir como matéria-prima para outros estudos, assim como material de debate e de estudo. O lançamento oficial é na quinta-feira e será feito pelo Padre Gonçalves na Escola Salesiana.

 

 

 

 

 

  1. hm

    O livro foi escrito pela francesa Ascher ; do Rosario e o marido da Ascher são socios da companhia maritima Tuninha / Vicente. Se queremos mais sucatas em Cabo Verde, deixamos o trio governar o pais…

  2. ADLV

    de facto o senhor JR tem uma boa visao para transformaçao do nosso país , apostar na industrializaçao do país onde passamos à fazer a nosso própria produçao é uma soluçao óptica para o país.

  3. Para quando é a data da apresentação do livro e hora.

  4. autoridade

    ate que enfim apareceu um salvador da economia nacional e internacional, acabou a crise, vamos vender esse livro a Portugal, Grécia, Espanha US já ja isso vai dar em premio nobel da economia

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.