Acidentes de viação: Dois mortos e cinco feridos graves

19/07/2013 00:42 - Modificado em 19/07/2013 00:42
| Comentários fechados em Acidentes de viação: Dois mortos e cinco feridos graves

acidenteÉ o resultado de um incidente ocorrido na terça-feira na zona da Galé, ilha de São Vicente, e de um acidente na quarta-feira na cidade do Porto Novo, ilha de Santo Antão. Ivete, de 27 anos, residente em Passarão morreu após sofrer graves traumatismos na sequência de uma queda de uma viatura que seguia na estrada São Pedro/cidade do Mindelo. Por sua vez, João, de 56 anos, perdeu a vida num acidente nas imediações da fábrica Cabocem, na cidade do Porto Novo.

Na tarde de terça-feira registou-se um incidente na zona da Galé, na ilha de São Vicente, envolvendo uma viatura que transportava três mulheres na caixa aberta. Duas das cidadãs seguiam para a cidade do Mindelo e viajavam num dos lados do veículo, o “toldo” abriu de forma involuntária e as mulheres foram projectadas para a via. Ivete, de 27 anos não resistiu aos politraumatismos que sofreu no corpo e na cabeça e acabou por falecer nesta quinta-feira.

Por outro lado, uma das outras ocupantes sofreu lesões no corpo, mas segundo a assessora clínica Samila Inocêncio “a paciente recebeu tratamentos médicos, pelo que está internada no Hospital Baptista de Sousa. E por ora, a mulher não corre perigo de vida, pois o seu estado de saúde é considerado estável”.

 

Porto Novo

Quanto aos dez cidadãos que sofreram um acidente de viação ocorrido na localidade de Fundão, cidade do Porto Novo, a assessora clínica sublinha que três deram entrada no HBS por volta das 20 horas de quarta-feira, mas que o cidadão João Manuel, de 56 anos, não resistiu a um traumatismo craniano grave e a vários traumatismos no corpo, pelo que veio a falecer na noite em que deu entrada no Banco de Urgência do Hospital Baptista de Sousa.

De realçar que o acidente ocorreu em Fundão, nas imediações da fábrica da Cabocem e que o condutor deu boleia a nove pessoas, na sua maioria cidadãos que se deslocam diariamente ao interior da cidade do Porto Novo para fazerem pedras de calçada. Mas o NN sabe que o estado de saúde de um dos ocupantes que tinha ficado no Centro de Saúde do Porto Novo complicou-se, por isso, as autoridades médicas decidiram evacuá-lo para a ilha de São Vicente.

 

 

 

 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.