Avião movido a energia solar aterrou em Madrid

28/05/2012 00:06 - Modificado em 27/05/2012 21:25
| Comentários fechados em Avião movido a energia solar aterrou em Madrid

O avião “Solar Impulse”, que utiliza apenas energia solar, aterrou, esta madrugada, no aeroporto de Barajas, em Madrid, a primeira escala do seu primeiro voo intercontinental de Payerne, na Suíça, rumo a Rabat, em Marrocos.

 

O voo Payerne-Rabat é encarado pelo equipa do projeto como um ensaio geral para a primeira volta ao mundo realizada num avião solar, prevista para 2014.

O avião suíço, pilotado por André Borschberg, um dos fundadores do projeto, percorreu 2.000 quilómetros, movido apenas pela força da energia solar. A viagem para Rabat será conduzida pelo mentor do projeto, Bertrand Piccard.

Na capital espanhola, o avião vai ser alvo de uma revisão técnica pelo menos até segunda-feira, dado que o aparelho não possui autonomia para efectuar um trajeto tão longo.

O projecto do “Solar Impulse”, que deu os primeiros passos em 2003, tem um custo estimado de cerca de 100 milhões de dólares (perto de 80 milhões de euros) durante um período de 10 anos.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.