Presidente da CMSV reage a morte de Bana “ nunca conseguiremos saldar a nossa divida de gratidão “

13/07/2013 12:30 - Modificado em 13/07/2013 12:53
| Comentários fechados em Presidente da CMSV reage a morte de Bana “ nunca conseguiremos saldar a nossa divida de gratidão “

OLYMPUS DIGITAL CAMERAAugusto Neves, presidente da CMSV, disse ao NN que está consternado e triste com a notícia da morte de Bana,falecido está madrugada em Lisboa . E em nome dos sanvicentinos endereça a família “ os pêsames e o conforto de todos os mindelenses nessa hora de dor “ E assevera “nunca conseguiremos saldar a nossa divida de gratidão com ele “

Neves considera que São Vicente nunca poderá reparar a perda do homem que foi chamado da “ Voz de Cabo Verde” e que tão bem cantou São Vicente na “ sua voz cálida e sentida “. E tão pouco conseguir render o tributo por tudo o que Bana fez por Mindelo, a sua cidade natal. Mas diz que a CMSV está a disposição dos familiares “ para apoiar e ajudar no que estes necessitem “. Ao longo dos anos a CMSV tem prestado diversas homenagens a Bana, com destaque para o festival da Baía das Gatas, mas o presidente afirma “ que o colectivo vai se reunir na segunda – feira para decidir as acções a serem tomadas para mais uma justa e merecida homenagem “

O edil reafirma a sua tristeza perante o facto de São Vicente em pouco mais de um ano ter perdido os seus dois expoentes máximos da morna e coladeira: Cesária e Bana “ mas restam o consolo, por que as suas vozes continuam vivas e presentes no nosso quotidiano “ `.

Em São Vicente é hora de dor, hora de partida para a eternidade, mas também hora de reconhecimento aos seus filhos queridos que enalteceram e levaram longe o nome de São Vicente. Por isso o presidente da CMSV considera que “ A música de Ban

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.