Festa da independência para o povo

3/07/2013 00:59 - Modificado em 3/07/2013 00:59

PAICVO PAICV em São Vicente quer uma forte participação da população nas comemorações do aniversário da independência do país. Como explica o presidente da Comissão Política Regional do partido na ilha, Alcides Graça, as festas da independência transformaram-se em festas oficiosas e o “povo esteve um pouco separado ou dissociado dessas festividades”.

 

O objectivo passa por centrar as festividades do dia da independência na população. O sentimento que Graça demonstra é que nos últimos vinte anos tem havido uma separação das comemorações entre o povo e o que é oficial. A participação da população tem sido reduzida com o passar dos tempos. Como explica, o “povo merece este espaço e oportunidade de comemorar o 5 de Julho”.

 

O PAICV acredita que com esta tentativa, haverá uma mudança de paradigma nas comemorações, por isso, não espera uma grande adesão nestes primeiros anos, “como pretendia”, mas acredita que nas próximas será cada vez maior. O programa para as comemorações do 38º aniversário da independência de Cabo Verde inclui um baile popular, uma marcha da independência, uma feira de artesanato e uma homenagem musical a Amílcar Cabral.

  1. Baile Popular? Isso era uma vez. Agora com esses problemas de vandalismo de grupos rivais ninguém iria arriscar para ir apenas a um baile popular, isso já era.

  2. Jom

    Resta saber é quem vai pagar este esbanjamento. Ou de onde vem o dinheiro porque não acredito que vem só da boavontade das pessoas.

  3. Manuel Maocha

    FESTA DA INDEPENDENCIA DE CABO VERDE É DE TODOS OS CABOVERDEANOS E NAO DO PAICV! NESTE MOMENTO O POVO NAO ESTA INTERESSADO EM BAILES POPULARES MAS SIM NO TRABALHO PARA O SUSTENTO DAS FAMILIAS

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.