Falsificação de notas : Suspeito fica em prisão preventiva

24/06/2013 00:00 - Modificado em 23/06/2013 23:31
| Comentários fechados em Falsificação de notas : Suspeito fica em prisão preventiva

notas falsificadas Está em prisão preventiva na Cadeia de São Vicente, o indivíduo natural da ilha de Santo Antão que é tido pelas autoridades policiais como o autor da falsificação de notas de 500 e 2000 escudos no Município de Porto Novo. Edmilson Fortes estava a ser procurado pela Polícia Nacional de Santo Antão, mas veio a ser detido pela BAC em São Vicente na posse de notas falsas.

O NN apurou que o Comando da Polícia Nacional em Santo Antão emitiu um alerta para deter um cidadão de 28 anos, por suspeita de falsificação de notas na ilha. Edmilson “Micha” Fortes estava foragido da ilha de Santo Antão, mas foi detido na última semana na ilha de São Vicente, onde as autoridades suspeitam que este tenha colocado no mercado parte das notas falsas.
O suspeito foi detido pela Brigada Anti-Crime, que ao revistá-lo encontrou-o na posse de 19 notas falsas de 500 escudos. O jovem foi detido pela BAC e presente às instâncias judiciais. Findo o interrogatório, o Juízo Crime aplicou-lhe a prisão preventiva porque os indícios apontam que este cometeu o crime de falsificação de notas.
O magistrado aplicou o artigo 290º do Código Processo Penal, por entender que os factos preenchiam os pressupostos das normas de prevenção geral, dado que existe o perigo de haver continuidade da acção criminosa, por isso, o juiz decidiu que o arguido deveria aguardar o desenrolar do caso na Cadeia da Ribeirinha.
Quanto ao processo-crime que envolve o cidadão, foi enviado ao Ministério Público para que se possa averiguar os factos que culminaram na detenção do suspeito. Findo o processo de instrução, o MP irá deduzir a acusação para que o indivíduo seja submetido a julgamento. Mas o NN sabe que o mesmo tem processos pendentes com as autoridades judiciais em Santo Antão, pelo que será submetido a uma investigação para que possa responder pela prática dos delitos onde é evidenciado como suspeito.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.