PN identifica 23 cidadãos estrangeiros em situação ilegal

19/06/2013 00:01 - Modificado em 18/06/2013 23:36

prisao preventivaO Comando da Polícia Nacional do Sal realizou uma acção para averiguar a presença de cidadãos estrangeiros nas cidades de Santa Maria e Espargos. Durante a operação, a PN abordou 69 pessoas oriundas do Senegal, Guiné-Bissau, Serra Leoa, Nigéria e Itália para saber se possuem visto ou se estão ilegais noPaís

 

Na sequência do rastreio foram conduzidos 23 indivíduos a Esquadra Policial porque estavam sem documentação legal. Segundo a RCV, as autoridades ainda não conseguiram apurar como é que os cidadãos entraram em Cabo Verde. De acordo com a lei, as 23 pessoas devem ser expulsas do país, situação que não será tarefa fácil devido aos custos que a resolução do processo acarreta na matéria de transporte.

 

A Polícia Nacional informou aos indocumentados que devem deixar o país, pelo que depois de identificados foram colocados em liberdade. Do grupo, a maior parte trabalha no comércio informal na ilha do Sal.

  1. MONTEIRO

    Os individuos como dissem o jornal eles trabalham, e o sef queram espulsar fora do pais, eles nao ta a matar e nem roubar porque o sef nao da uma chance pra eles, eu pergunto e os individuos que vem da america que organisa grupos de gang pra roubar e matar,sera que eles tao legalizados

  2. MarioCunha

    A Policia em São Vicente tem feito um bom trabalho, mas os Chefes andam a cometerem muitos contra ordenações. Tito a conduzir com móvel nos ouvidos, Guinold é o rei com móvel nos ouvidos, Évora para que falar, dos Chefes só o Francisco que nunca vi com móvel nos ouvidos, também ele anda mais é de mota. A frente do Comando não respeitam a linha contínua, invertam, mudam de direcção, entram pela esquerda e não respeitam a linha ali existente, mas são eles k deviam dar o exemplo em 1º lugar.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.