Papa Francisco “Há gente santa na Cúria Romana, mas também há uma corrente de corrupção e um lobby gay”

12/06/2013 01:03 - Modificado em 12/06/2013 01:03

Papa FranciscoEstas declarações atribuídas ao Papa Francisco pelo site católico progressista Reflexión y Liberación, estão a ser entendidas como o colocar o dedo no detonador que levará à reforma da Cúria Romana, o governo central da Igreja Católica. Por parte do Papa Francisco ainda não houve confirmação.

Federico Lombardi, o porta-voz da Santa Sé, não quis fazer comentários sobre as palavras que o portalReflexión y Liberación atribui ao Papa em relação à existência de “uma corrente de corrupção e um lobby gay na Cúria Romana”. De acordo com o referido portal, o Papa disse que “Na Cúria há gente santa, de verdade, há gente santa. Mas, que também há uma corrente de corrupção é verdade”. Conclui que o Papa fez estas declarações numa audiência concedida a 6 de Junho passado à direcção da ConfederaciónLatinoamericana y Caribeña de Religiosas y Religiosos (CLAR).
Há muito tempo que se vem falando de corrupção e da presença de um “lobby gay” dentro da Cúria Romana. A histórica demissão de Bento XVI como Papa foi atribuída por vários meios de comunicação à “dor” que para Joseph Ratzinger foi inteirar-se da existência desse grupo de poder homossexual e possível chantagem de membros proeminentes da Cúria.

 

  1. Manande-Sancent

    Ka ta intende pa mod tant coza contra homos. Tud gent tem direit de vivé!

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.