Cientistas criam sistema para detectar gestos através de wi-fi

10/06/2013 01:21 - Modificado em 10/06/2013 01:21
| Comentários fechados em Cientistas criam sistema para detectar gestos através de wi-fi

wi fiUm grupo de investigadores da Universidade de Washington recorreu à tecnologia de wi-fi, normalmente usada para o acesso sem fios à Internet, e criou um sistema capaz de reconhecer gestos, que podem servir para controlar vários equipamentos.

 

A tecnologia, a que foi dado o nome de WiSee, usa as pequenas variações no sinal causadas pelo movimento das pessoas para identificar os gestos.

 

Como o sinal de wi-fi é capaz de atravessar objectos ou paredes, não é preciso estar na proximidade do aparelho que emite o sinal. Também não são precisas câmaras e o utilizador não tem que transportar consigo qualquer dispositivo.

 

“O fardo e o custo da instalação fazem com que a maioria dos sensores baseados na visão sejam dificilmente instalados em grande escala, por exemplo, numa casa inteira ou num edifício”, argumentam os quatro investigadores da Universidade de Washington, no documento em que detalham o processo.

 

Já as tecnologias que implicam que o utilizador tenha consigo um dispositivo “estão limitadas àquilo que as pessoas estão dispostas a transportar ou usar, e podem não ser viáveis em muitos cenários (por exemplo, no duche)”.

 

A equipa fez testes num escritório e num apartamento de dois quartos, onde o sistema foi capaz de detectar nove gestos, com uma precisão que, no melhor cenário, foi de 94%.

 

Para evitar falsos positivos – situações em que os movimentos não correspondiam a uma intenção de executar um comando –, os gestos eram precedidos de uma sequência de activação.

 

Trata-se de um gesto (no caso, encolher e esticar o braço, com a mão na vertical) que serve para indicar ao sistema que os gestos seguintes devem ser identificados e interpretados. Isto também permite que o receptor identifique o utilizador a que deve “prestar atenção” caso haja mais do que uma pessoa no local. Quanto mais longa for a sequência inicial, mais rigorosa é a identificação por parte do sistema.

 

O sinal pode ser emitido e recebido por aparelhos como routers de Internet, computadores e telemóveis, nos quais o software do WiSee é instalado. Os investigadores classificaram a experiência como uma “prova de conceito”, o que significa que a tecnologia está numa fase inicial de desenvolvimento.

 

 

publico.pt

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.