Brigada de Trânsito apreende 17 veículos sem inspecção técnica

24/05/2013 01:21 - Modificado em 24/05/2013 01:21

policia transitoA Brigada de Trânsito realizou uma operação STOP para fazer o controlo das viaturas que circulam na ilha de São Vicente. No final desta acção policial que está enquadrada no plano operacional “Cabo Verde Seguro II” foram apreendidos dezassete veículos por falta de inspecção periódica na ITAC. Por outro lado foram aplicadas 18 coimas a condutores que violaram normas descritas no Código de Estrada.

 

Na quarta-feira, a Brigada de Trânsito colocou em várias áreas da ilha de São Vicente, agentes da Polícia para fiscalizar as viaturas que não cumpriam as normas de circulação impostas pelas leis vigentes no Código de Estrada.

Foram fiscalizadas 244 veículos, das quais vinte e dois foram apreendidos e conduzidos para as imediações do Comando da Polícia Nacional. Segundo o que apuramos, o destaque desta operação vai para apreensão de viaturas que circulavam na ilha de São Vicente sem realizar a inspecção periódica na ITAC.

Por outro lado, três veículos foram apreendidos por falta de Seguro Obrigatório, e dois por falta de documentos. A Brigada de Trânsito aplicou 18 coimas avaliadas em cerca de 150 mil escudos. Quanto aos condutores, a BT submeteu-lhes a teste de alcoolemia, porém nenhum dos inquiridos estava a conduzir sob efeito de bebidas alcoólicas.

  1. Baldoque

    Ess fot e ke te dret. Kes e ka polícia de CAbo Verde. FARDA

  2. Ilhasadjacentes

    Espero que ninguém fica elibado só porque e amigo dos comendantes, porque isso acontece sempre sempre em sao Vicente, basta um simples telefonema de um amigo ou de algum diretor . Todos somos cientes de que cabo verde e corrupto de forma gratuita ( só troca de favores )

  3. Deveriam também se preocupar com a perturbação do trânsito provocada pelos piões no meio da rua, ciclistas, os autocarros desaforados, com alguns taxitas, agentes da PN em cima dos passeios que falam com reparigas de pé no meio da estrada, etc. Agora, não porque alguém não tem consigo a carta quando está a conduzir que vai produzir acidentes. E mesmo se analisarmos bem as coisas, vamos ver que, pelo menos em S. Vicente, não têm acontecido acidentes causados pela falha técnica dos carros

  4. Mindelense

    As operações STOP em São Vicente são uma autentica fraude: apenas fiscalizam os carros dos cidadãos, exceptuando os carros dos colegas polícias, e os carros da administração pública (Polícia, exército, bombeiro, Câmara Municipal, Finanças, Registo e Notariado, Alfândega, etc). É basta estar atento para ver que os carros do estado não cumprem com a inspeção técnica (não tem o selo verde na parabrisa), e em alguns casos, com o seguro automóvel e imposto de circulação. Fiquem atentos.

  5. Policia

    A Policia esta de parabéns pela iniciativa, 10% para a panela, mas aqui vai uma pergunta: “quem fiscaliza as viaturas dos Policias?” ora não se vê o selo de seguro obrigatorio nas para- brisas, nem o selo de inspecção da ITAC pelo que a não colagem dá coima, uso de cinto de segurança e mais e mais! sem falar do uso de bebidas alcoolicas e outras cozitas mais. ATENÇÃO! QUE MAIS CEDO OU MAIS TARDE O CALDO PODE ENTORNAR-SE.

  6. Policia

    … viaturas dos Srs. Agentes… sem documento de inspecção e seguro obrigatório.

  7. quero saber

    já agora pergunto, quem controla os carros da policia em relação inspecção periódica na ITAC, já que a maioria dos carros em S.Vicente ainda não aparecem para fazer o teste aos seus carros inclusive os da policia e da câmara municipal, se uma lei tem que ser para todos.

  8. Boise Soncente

    Quando é que carro particular de algum policia foi para ITAC????? Quando q algum de ces carro foi apreendido por algum irregularidade????? pois é se foi 18 coimas, e se cada coima for de 10.000$00…. enton… espia bo oia…. 180.000$00 num dia…. mas nenhum centavo de coimas na carros particulares dos policias….

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.