CMSV recebe equipamentos informáticos financiados pelas Nações Unidas

22/05/2013 12:29 - Modificado em 22/05/2013 12:29
| Comentários fechados em CMSV recebe equipamentos informáticos financiados pelas Nações Unidas

fotografiaCMSV recebe equipamentos informáticos financiados pelas Nações Unidas

 

No acto de entrega do servidor e dos digitalizadores, a Directora Geral da Descentralização e da Administração Local, Dr.ª Francisca dos Santos, em representação do Ministério do Ambiente, Habitação e Ordenamento do Território, frisou que “esses equipamentos foram financiados pelas Nações Unidas e visam possibilitar a digitalização dos processos técnicos da CMSV, com o objectivo de reforçar a capacidade da edilidade em prestar um serviço de melhor qualidade aos munícipes e a todos àqueles que procuram os seus serviços.”

Em jeito de agradecimento, o Vereador Rodrigo Martins considerou ser esse um “gesto de colaboração e de reconhecimento do trabalho que a CMSV vem desenvolvendo no âmbito da modernização administrativa dos seus serviços, tendo como enfoque os utentes/munícipes nas vertentes atendimento e gestão de processos”.

Como explica o Eng. Samuel Santos da Divisão de Informática, a “disponibilização desses equipamentos irá permitir acelerar os trabalhos de desenvolvimento de um novo módulo de Registo Predial, já que o existente no Sistema de Informação Municipal (SIM) padece de várias insuficiências limitando assim os serviços municipais no exercício das usas competências.”

Os utentes e os munícipes serão os principais beneficiados com esta nova visão de prestação de serviço público, resultado de uma gestão integrada dos seus processos fazendo com que haja uma maior celeridade no atendimento e satisfação dos seus pedidos. A desmaterialização dos processos, cadastro de lotes, pedidos lotes digitalmente, licenciamentos de obras, aprovação de projectos remetidos via suporte electrónico, notificação dos utentes/munícipes via sms/e-mail e telefone, pagamento electrónico de serviços, impostos e taxas e a georeferênciação das matrizes são as principais funcionalidades que serão acrescentadas ao módulo Registo Predial do SIM.

Assim de acordo Avenino Lopes da Silva, Assessor do Presidente para a área de Administração: “está é uma abordagem centralizada na satisfação do utente e com enfoque numa maior transparência no tratamento dos processos, considerando crucial esta colaboração institucional advinda da DGDAL no reforço e consolidação do Poder Local.”

Por último, importa realçar que a CMSV dispõe de uma equipa de desenvolvimento independente que articula com a DGDAL e com o NOSi na produção desses novos produtos, contando ainda com uma equipa de colaboradores com conhecimento e experiência de vários anos a nível da gestão municipal.”

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.